Busca avançada
Ano de início
Entree

Composição fenólica, fração péctica e atividade antioxidante deuma nova cultivar de tomate vfnt cherry enriquecida naturalmente de antocianinas

Processo: 14/11150-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2014
Vigência (Término): 30 de setembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Severino Matias de Alencar
Beneficiário:Luciano Henrique Campestrini
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Pectinas   Fenóis   Tomate   Antioxidantes   Antocianinas

Resumo

Os tomates são frutos que possuem diferentes tipos de tecidos que desempenham um papel crítico na percepção da textura, além de possuírem compostos bioativos de grande importância para a saúde humana. A cultivar VFNT elite, resistente a vários patógenos, recuperada em uma linhagem F2 promissora, está sendo melhorada para produzir um novo cultivar, a qual é o objeto de estudo deste trabalho. Serão avaliados parâmetros quanto a composição química e atividade antioxidante, com a finalidade de suporte para os melhoristas introduzirem avanços na qualidade dos frutos desta cultivar. Este trabalho é muito importante, pois os frutos desta cultivar ainda não foram caracterizados completamente e o grupo de melhoristas têm a intenção de distribuir as sementes para cultivo por produtores rurais, sem nenhum custo, em um curto espaço de tempo. Outro mérito do trabalho que se deve mencionar é que os tomates desta cultivar, obtidos por melhoramento genético, serão de melhor aceitação para o público consumidor, uma vez que não houve transgenia para a aquisição das características obtidas. Portanto, estudos sobre a sua composição química e capacidade antioxidante serão de grande importância, uma vez que existe um apelo à saúde humana do consumo desta solanaceae, haja vista que a mesma tem uma grande aceitação no mercado mundial. Uma vez de posse da caracterização bioativa e potencial antioxidante dos frutos, esta será igualmente utilizada para a difusão da cultivar, na forma de distribuição de sementes sem custos aos produtores. Espera-se assim que a população possa adquirir um tomate diferenciado de alto valor nutricional e a baixo custo, demonstrando assim a relevância e contribuição social do projeto.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CAMPESTRINI, LUCIANO HENRIQUE; RASERA, GABRIELA BOSCARIOL; DE CAMARGO, ADRIANO COSTA; FRANCHIN, MARCELO; NANI, BRUNO DIAS; ROSALEN, PEDRO LUIZ; CANNIATTI-BRAZACA, SOLANGE GUIDOLIN; TELLES BIASOTO, ALINE CAMARAO; SHAHIDI, FEREIDOON; ALENCAR, SEVERINO MATIAS. Alkaline conditions better extract anti-inflammatory polysaccharides from winemaking by-products. Food Research International, v. 131, MAY 2020. Citações Web of Science: 0.
CAMPESTRINI, LUCIANO H.; MELO, PRISCILLA S.; PERES, LAZARO E. P.; CALHELHA, RICARDO C.; FERREIRA, ISABEL C. F. R.; ALENCAR, SEVERINO M. A new variety of purple tomato as a rich source of bioactive carotenoids and its potential health benefits. HELIYON, v. 5, n. 11 NOV 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.