Busca avançada
Ano de início
Entree

Novas vias de sinalização moduladas pelo receptor de hormônio tireoidiano (TR) em câncer de mama

Processo: 14/22215-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado Direto
Vigência (Início): 28 de fevereiro de 2015
Vigência (Término): 27 de agosto de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Ana Carolina Migliorini Figueira
Beneficiário:Jéssica Christina Lóis de Oliveira Campos
Supervisor no Exterior: Paul Webb
Instituição-sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Houston Methodist Research Institute (HMRI), Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:11/23659-2 - Interação entre os receptores nucleares TR (receptores de hormônios tireoidianos), PPAR (receptores ativadores da proliferação dos peroxissomos) e outras proteínas celulares, BP.DD
Assunto(s):Receptores dos hormônios tireóideos   Receptores citoplasmáticos e nucleares   Neoplasias mamárias

Resumo

O câncer de mama, apresenta cerca de 1.152.161 casos novos a cada ano, sendo o tipo de câncer mais comum entre as mulheres, e responsável por 411.093 mortes por ano. Evidências sobre a participação de Receptores Nucleares (NRs) em carcinomas de mama existem a partir do experimento de Beatson, em 1896. Mais tarde, a expressão dos Receptores de Estrogênio (ER) e progesterona (PR) foram correlacionados com o sucesso da terapia anti-estrogênio, uma vez que seus hormônios eram conhecidos por conduzir proliferação celular e promover a sobrevivência de células de câncer da mama. No entanto, todos tumores de mama ER/PR-positivos e 40-50% dos ER/PR-positivos são insensíveis para a terapia anti-estrogênios, o que fez os pesquisadores mudarem o foco para todos os outros membros da superfamília de receptores nucleares (RNs). Os papéis de NRs na proliferação, diferenciação e apoptose suportam a ideia de sua importante participação em câncer e muitos estudos mostram a perda da expressão de NRs ou expressão exacerbada em células neoplásicas. Um desses estudos concentra-se no Receptor do hormônio Tireoidiano (TR) e sua expressão no câncer. Embora as evidências de uma relação entre hormônios tireoidianos e desenvolvimento de câncer de mama são conhecidas desde 1896, alguns outros estudos in vivo e in vitro diferem substancialmente. Nossos experimentos de duplo-híbrido em levedura e de imunoprecipitação mostraram importante participação do TR em processos como apoptose, ciclo celular, ubiquitinação, e reparo do DNA que nos leva na direção de metabolismo de câncer. Nós propomos a realização de estudos com parceiros encontrados para o TR dentro de vias essenciais de sinalização em câncer de mama, com o objetivo de compreender a regulação desses RNs na expressão gênica e proteica ao longo do tempo e comparar com ER, em diferentes condições hormonais (presença e ausência de estrogênio e T3) usando qPCR e Western blot, além de ensaios de transativação. Em paralelo pretendemos ver como os hormônios da tiroide podem ser relacionadas com o aumento ou a diminuição da proliferação de tumores de mama e, se existe uma forma de modular esse tipo de câncer através destes receptores nucleares. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CAMPOS, JESSICA L. O.; DORATIOTO, TABATA R.; VIDEIRA, NATALIA B.; RIBEIRO FILHO, V, HELDER; BATISTA, FERNANDA A. H.; FATTORI, JULIANA; INDOLFO, NATHALIA DE C.; NAKAHIRA, MARCEL; BAJGELMAN, MARCIO C.; CVORO, ALEKSANDRA; LAURINDO, FRANCISCO R. M.; WEBB, PAUL; FIGUEIRA, ANA CAROLINA M. Protein Disulfide Isomerase Modulates the Activation of Thyroid Hormone Receptors. FRONTIERS IN ENDOCRINOLOGY, v. 9, JAN 8 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.