Busca avançada
Ano de início
Entree

Síntese de zeólitas a partir de sedimentos de lagoa de decantação

Processo: 14/15748-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2014
Vigência (Término): 30 de novembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geologia
Pesquisador responsável:Fabio Ramos Dias de Andrade
Beneficiário:Maria Thereza Akemi Guimarães Yogi
Instituição-sede: Instituto de Geociências (IGC). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Mineralogia aplicada   Síntese

Resumo

Os sedimentos finos, resultantes do beneficiamento de areia, são dispostos em lagoas de decantação e constituem um resíduo importante da mineração, apresentando geração contínua e em grandes volumes. Com a crescente demanda nacional poragregados é inevitável a procura de uma resolução para o volume de resíduos gerado decorrente das atividades extrativas. Neste contexto, a síntese de zeólitas pode constituir um método para reutilização destes sedimentos, aliando-se à preservação do meio ambiente e à geração de materiais de aplicações tecnológicas variadas.As zeólitas sintéticas apresentam vantagens em relação às naturais por apresentarem menos impurezas e volume e dimensão dos poros constantes, podendo ser produzidas com propriedades fixas para determinada aplicação, destacando-se a utilização das mesmas como peneiras moleculares, adsorventes, trocadores catiônicos e catalisadores.Este projeto tem como objetivo testar a viabilidade da síntese, além de determinarcondições de pré-tratamento adequadas para este resíduo. Para isso, o material será analisado química e mineralogicamente e posteriormente submetido à fusão alcalina, seguida de tratamento hidrotermal. Serão aplicadas condições variantes de tempo e temperatura durante os ensaios de síntese a fim de se otimizar o processo, visando sua economicidade e baixo consumo energético. Para a caracterização dos produtos obtidos serão empregadas a Difratometria de Raios X e a Microscopia Eletrônica de Varredura.