Busca avançada
Ano de início
Entree

Rastreio de risco de quedas em idosos por meio de um equipamento de baixo custo

Processo: 14/21858-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Medicina Preventiva
Pesquisador responsável:Paula Costa Castro
Beneficiário:Caroline Lindinalva de Oliveira Silva
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Tecnologia assistiva   Geriatria   Queda

Resumo

JUSTIFICATIVA: As altas taxas de idosos que sofrem quedas e que como consequência adquire alguma morbidade ou até mesmo chegam a óbito nos revela um sério problema de saúde pública e a necessidade de equipamentos, programas e ações que busquem a diminuição dessas taxas por meio da prevenção. Apesar disso, há uma falta de dispositivos de previsão de risco de queda em tempo real, comerciais ou descritos na literatura, que sejam capazes de fornecer monitoramento e independência aos idosos caidores. Objetivo - Assim, esse presente trabalho busca realizar um estudo exploratório para analisar o potencial de um equipamento na detecção de riscos de queda, sendo então, futuramente, de utilidade para a prevenção de quedas em idosos. MÉTODO - Delineamento: Estudo seccional exploratório. Seleção: amostra de conveniência de 40 voluntários idosos. Locação: Grupos de terceira idade. Grupos: Caidores (10 caidores recorrentes e 10 caidores esporádicos) e Não Caidores. Dispositivo: Um sensor de aceleração tri-axial foi acoplado a uma pequena placa de desenvolvimento. Procedimentos: 40 voluntários idosos (20 não-caidores) irão realizar três vezes o Timed Up and Go Test, usando o dispositivo conectado à cintura (centro de massa). Cada voluntário será consultado, em uma única pergunta, sobre o conforto do dispositivo. Os dados do dispositivo serão analisados por um extrator de características (diferenças de aceleração em intervalos de tempo), e por um algoritmo de detecção de anomalias (detector Gaussiano multivariado) para prever o risco de queda. Cada uma das experiências, dos dados dos 20 voluntários não-caidores serão usadas para treinar o algoritmo, enquanto o restante será usado como dados de teste. RESULTADOS ESPERADOS: Espera-se obter dados a partir de um sensor de aceleração de baixo custo que indiquem diferenças entre os padrões de idosos caidores e não-caidores, para detectar risco de queda em idosos. Além disso, este estudo piloto poderá iniciar uma base de dados real de padrões de marcha e risco de queda de indivíduos senescentes, para auxiliar estudos futuros no grupo de pesquisa e na área. Os achados provenientes do estudo serão divulgados por meio de artigos na literatura e apresentação em congressos da área. A divulgação desses resultados poderia auxiliar pesquisadores e profissionais no Brasil e no mundo, contribuindo para desenvolvimento de programas, pesquisas e políticas para prevenção de quedas.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PONTI, MOACIR; BET, PATRICIA; OLIVEIRA, CAROLINE L.; CASTRO, PAULA C. Better than counting seconds: Identifying fallers among healthy elderly using fusion of accelerometer features and dual-task Timed Up and Go. PLoS One, v. 12, n. 4 APR 27 2017. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.