Busca avançada
Ano de início
Entree

O papel da UNASUL na implementação do Regulamento sanitário internacional (2005)

Processo: 14/25262-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 16 de fevereiro de 2015
Vigência (Término): 16 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Ciência Política - Política Internacional
Pesquisador responsável:Deisy de Freitas Lima Ventura
Beneficiário:Barbara Frossard Pagotto
Supervisor no Exterior: Olivier Dabène
Instituição-sede: Instituto de Relações Internacionais (IRI). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Fondation Nationale des Sciences Politiques (Sciences Po), França  
Vinculado à bolsa:14/00805-1 - A saúde pública como tema de segurança internacional: o caso das negociações do novo Regulamento Sanitário Internacional (RSI 2005), BP.MS
Assunto(s):Integração regional   Regulamento sanitário internacional   Saúde pública

Resumo

O novo Regulamento Sanitário Internacional (RSI), adotado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2005, após 10 longos anos de negociações, desempenhou um papel fundamental no campo da cooperação sanitária internacional na América do Sul. A União sul-americana de nações (UNASUL), formada em 2008, criou, neste mesmo ano, o Conselho Sul-Americano de Saúde e, posteriormente, O Instituto Sul-Americano de Governo em Saúde (ISAGS), os quais buscam, dentre outros objetivos, auxiliar os Estados membros a cumprirem as obrigações previstas pelo RSI. Este projeto de pesquisa tem como objetivo analisar a importância do RSI na configuração de uma agenda de cooperação sanitária regional, bem como avaliar em que medida os mecanismos regionais de saúde tem facilitado a aplicação do Regulamento pelos países sul-americanos. (AU)