Busca avançada
Ano de início
Entree

Correlação entre as alterações linfáticas precoces e tardias após cirurgia por câncer de mama e o risco para desenvolvimento de linfedema

Processo: 14/14190-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Saúde Materno-infantil
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Luís Otávio Zanatta Sarian
Beneficiário:Mariana Maia de Oliveira Sunemi
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Neoplasias mamárias   Linfedema

Resumo

O linfedema de membro superior ipsilateral à mastectomia apresenta incidência entre 24 e 49% e pode estar presente imediatamente após a cirurgia ou anos após o tratamento, promovendo substancial prejuízo funcional e psicológico. Entre os fatores de risco para seu desenvolvimento encontram-se esvaziamento axilar, radioterapia, nível de retirada dos linfonodos, extensão da técnica cirúrgica dentre outros. A etiologia e fisiopatologia que resulta em falha linfática não são claramente entendidas. Estudo prévio observou alterações relevantes nas linfocintilografias pré e pós-operatórias em mulheres mastectomizadas, demonstrando a existência de diferenças funcionais do sistema linfático do membro superior. Objetivo: Estudar a relação entre as compensações linfáticas presentes no pós-operatório precoce (60 dias) e tardio (dois anos) e o desenvolvimento de linfedema. Sujeitos e métodos: Estudo de coorte prospectivo com mulheres submetidas a tratamento cirúrgico radical por câncer de mama no Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher da Universidade Estadual de Campinas há pelo menos 2 anos. Os dados sócio-demográficos e clínicos e a avaliação física - perimetria e palpação de membros superiores e goniometria de ombros - serão coletados no Ambulatório de Fisioterapia. As compensações linfáticas serão avaliadas através do exame de linfocintilografia realizado no Hospital das Clínicas da UNICAMP. Todos os dados serão obtidos através do laudo do exame, que segue os padrões da ficha de coleta de dados. Os dados serão avaliados descritivamente através do cálculo de freqüências absolutas (n) e relativas (%) para variáveis categóricas e de média, mediana e desvio-padrão para as variáveis contínuas. Para análise das variáveis categóricas será calculado o Odds ratio. O nível de significância assumido é de 5%. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FREIRE DE OLIVEIRA, MARIANA MAIA; COSTA GURGEL, MARIA SALETE; AMORIM, BARBARA JUAREZ; RAMOS, CELSO DARIO; DERCHAIN, SOPHIE; FURLAN-SANTOS, NATACHIE; DOS SANTOS, CESAR CABELLO; SARIAN, LUIS OTAVIO. Long term effects of manual lymphatic drainage and active exercises on physical morbidities, lymphoscintigraphy parameters and lymphedema formation in patients operated due to breast cancer: A clinical trial. PLoS One, v. 13, n. 1 JAN 5 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.