Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do inibidor farmacológico de mTOR rapamicina na resposta de linfócitos T CD8+ de memória induzidos pela vacinação genética usando a estratégia de prime-boost heterólogo

Processo: 14/19422-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2014
Vigência (Término): 31 de agosto de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Jose Ronnie Carvalho de Vasconcelos
Beneficiário:Barbara Ferri Moraschi
Instituição-sede: Centro de Terapia Celular e Molecular. Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Vacinas sintéticas   Sirolimo   Linfócitos T CD8-positivos   Trypanosoma cruzi   Imunização secundária

Resumo

O regime de vacinação do tipo prime-boost heterólogo que utiliza DNA plasmidial recombinante na primeira dose (priming) seguida de um reforço (boost) com adenovírus humano do tipo 5 deficiente em replicação, ambos expressando o mesmo gene, tem se mostrado uma estratégia poderosa na indução de linfócitos T CD8+ efetores de memória (TEM), que medeiam a imunidade protetora contra diversos patógenos. Estes linfócitos CD8+ TEM que apresentam o fenótipo CD44High, CD11aHigh, CD62LLow, KLRG1High e CD127High são polifuncionais, pois secretam IFN-³ e TNF, medeiam citotoxicidade, conseguem permanecer por um longo período de tempo e são resistentes a erosão imunológica. Apesar das altas frequências de linfócitos CD8+ TEM específicos induzidos por este tipo de vacinação, buscamos novas estratégias que possam aumentar ainda mais as frequências de linfócitos T específicos e principalmente do tipo CD8+ TCM com o fenótipo CD44High, CD11aHigh, CD62LHigh, e CD127High. Uma possível estratégia neste sentido é a utilização do inibidor farmacológico de mTOR (proteína alvo da rapamicina em mamíferos) chamado rapamicina. O tratamento com esta droga, que é comercialmente disponível e aprovada para uso humano, foi capaz de aumentar a frequência dos linfócitos CD8+ TCM em alguns modelos experimentais de infecções virais. Baseado nestes dados, será o objetivo deste projeto testar se o tratamento com a Rapamicina pode aumentar a frequência dos linfócitos T específicos e principalmente do fenótipo TCM induzidos pelo regime de vacinação do tipo prime-boost heterólogo. Caso funcione, esta estratégia poderá ser usada para melhorar a eficiência deste e outros tipos de vacinação. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FERREIRA, CAMILA PONTES; CARISTE, LEONARDO MORO; VIRGILIO, FERNANDO DOS SANTOS; MORASCHI, BARBARA FERRI; MONTEIRO, CAROLINE BRANDAO; VIEIRA MACHADO, ALEXANDRE M.; GAZZINELLI, RICARDO TOSTES; BRUNA-ROMERO, OSCAR; MENIN RUIZ, PEDRO LUIZ; RIBEIRO, DANIEL ARAKI; LANNES-VIEIRA, JOSELI; LOPES, MARCELA DE FREITAS; RODRIGUES, MAURICIO MARTINS; CARVALHO DE VASCONCELOS, JOSE RONNIE. LFA-1 Mediates Cytotoxicity and Tissue Migration of Specific CD8(+) T Cells after Heterologous Prime-Boost Vaccination against Trypanosoma cruzi Infection. FRONTIERS IN IMMUNOLOGY, v. 8, OCT 13 2017. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.