Busca avançada
Ano de início
Entree

Correlação entre o comportamento alimentar de mosca-branca e a transmissão de Tomato chlorosis vírus (Closteroviridae: crinivirus)

Processo: 14/26125-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Joao Roberto Spotti Lopes
Beneficiário:Nathalie Kristine Prado Maluta
Supervisor no Exterior: Alberto Fereres
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Local de pesquisa: Consejo Superior de Investigaciones Científicas (CSIC), Espanha  
Vinculado à bolsa:12/24974-1 - Respostas biológicas e comportamentais de Bemisia tabaci biótipo B em plantas de tomate infectadas com Tomato chlorosis virus (ToCV), BP.DR

Resumo

Bemisia tabaci é a espécie de mosca-branca mais importante como vetor de fitovírus para inúmeras culturas de importância agrícola, tal como o tomateiro, causando perdas de produção no mundo todo. Dentre os vírus transmitidos por esta espécie está Tomato chlorosis virus (Closteroviridae: Crinivirus) agente causal da "yellow dwaf disorder of tomato", o qual é transmitido de modo semipersistente por B. tabaci, bem como por outras duas espécies de mosca-branca (Trialeurodes abutilonea e T. vaporariorum). As relações entre B. tabaci e os fitovírus transmitidos por este complexo de espécies são complexas, pois compreendem interações entre espécie viral, planta e vetor. Deste modo, entender o processo de transmissão é de suma importância para a compreensão da epidemiologia bem como para o manejo da doença. Desta maneira, o uso da técnica de Electrical Penetration Graph possibilita observar o comportamento alimentar de B. tabaci e determinar qual(is) atividade(s) alimentares estão associadas a transmissão de ToCV. Sendo assim, a despeito da crescente importância do ToCV nos cultivos de batata e tomate no Brasil e em outros países, o projeto tem como objetivo determinar o comportamento alimentar que está associado à transmissão (aquisição e inoculação) de ToCV, bem como realizar a análise dos dados obtidos no Brasil referentes ao efeito indireto do ToCV no comportamento alimentar do biótipo B de B. tabaci em plantas de tomate. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PRADO MALUTA, NATHALIE KRISTINE; GARZO, ELISA; MORENO, ARANZAZU; NAVAS-CASTILLO, JESUS; FIALLO-OLIVE, ELVIRA; SPOTTI LOPES, JOAO ROBERTO; FERERES, ALBERTO. Stylet penetration activities of the whitefly Bemisia tabaci associated with inoculation of the crinivirus Tomato chlorosis virus. JOURNAL OF GENERAL VIROLOGY, v. 98, n. 6, p. 1515-1520, JUN 2017. Citações Web of Science: 9.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.