Busca avançada
Ano de início
Entree

Influências da paisagem e do ambiente sobre a diversidade funcional de mamíferos na Mata Atlântica

Processo: 14/23095-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 18 de junho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia
Pesquisador responsável:Mauro Galetti Rodrigues
Beneficiário:Gabrielle Cristina Beca
Supervisor no Exterior: Carlos Augusto da Silva Peres
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Local de pesquisa : University of East Anglia (UEA), Inglaterra  
Vinculado à bolsa:13/21939-3 - Diversidade funcional de mamíferos de médio e grande porte em paisagens fragmentadas da Mata Atlântica, BP.MS

Resumo

A perda e fragmentação de habitat são processos identificados como ameaças à biodiversidade, especialmente em paisagens com longo histórico de ocupação humana, levando muitas espécies à extinção e afetando as funções ecossistêmicas. Medidas que estabelecem relações entre a biodiversidade e as funções ecológicas que as espécies desempenham vêm sendo utilizadas para a indicação de áreas prioritárias para a conservação. Estudos sugerem a existência de limiares ecológicos, abaixo do qual a riqueza local de espécies e abundância não são capazes de suportar. No entanto, pouco se sabe como este limiar pode afetar a diversidade funcional, especialmente em grupos como os mamíferos, que desempenham um papel importante em diferentes processos ecológicos. Este estudo tem como objetivo passar quatro meses no laboratório do Dr. Carlos A. Peres da Universidade de East Anglia, Reino Unido, a fim de (1) organizar e analisar um conjunto de dados sobre os estudos com armadilhas fotográficas, (2) compreender a contribuição das métricas de paisagem e das variáveis ambientais sobre a diversidade funcional dos mamíferos de médio e grande porte em paisagens fragmentadas da Mata Atlântica, e (3) saber qual o modelo que melhor explica a variação na diversidade funcional de mamíferos de médio e grande porte, considerando métricas de paisagem e variáveis ambientais. Este estudo contribuirá para o conhecimento que pode ser base para melhores definições sobre estudos experimentais sobre os padrões de diversidade funcional de mamíferos de médio e grande porte em ambientes tropicais fragmentados, considerando o método mais utilizado de detectá-los, o uso de armadilhas fotográficas, combinado com a busca de vestígios. Esses resultados, combinados com o meu principal projeto de mestrado, podem apoiar estratégias de conservação, considerando-se os mamíferos de médio e grande porte como aliados em projetos futuros relacionados. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.