Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do Consensus-Degenerate Hybrid Oligonucleotide Primer (CODEHOP) e do painel viral para herpesvírus (panherpes) na detecção dos herpesvírus humanos em pacientes Transplantados de Células Progenitoras Hematopoiéticas (TCPH)

Processo: 14/16244-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 30 de abril de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Sandra Helena Alves Bonon
Beneficiário:Talita Cristina Dellariva
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Patologia clínica   Consensus-degenerate hybrid oligonucleotide primers (CODEHOPs)   Transplante de células-tronco hematopoéticas   Herpesviridae   Viroses   Primers do DNA

Resumo

Os herpesvírus humanos constituem um importante grupo causador de infecções em pacientes transplantados e em indivíduos imunodeprimidos em geral. Este grupo é constituído por três subfamílias: ±-herpesvirinae, ²-herpesvirinae e a ³-herpesvirinae que incluem os Herpesvírus Humanos Simplex tipo 1 e 2 (HSV-1 e HSV-2), Varicella Zoster Vírus (VZV ou HHV-3), Epstein-Barr Vírus (EBV ou HHV-4), Citomegalovírus Humano (CMVH ou HHV-5), Herpesvírus Humano tipo 6 (HHV-6), Herpesvírus Humano tipo 7 (HHV-7) e o Herpesvírus Humano tipo 8 (HHV-8), sendo que as infecções causadas por cada espécie e as manifestações clínicas apresentada são peculiares e correlacionam-se com o período pós-transplante em que o paciente se encontra. Atualmente, métodos moleculares de detecção e quantificação de agentes infecciosos estão sendo implantados na rotina a fim de minimizar as consequências e evitar possíveis manifestações clínicas desses herpesvírus, propiciando um tratamento precoce com antivirais adequados (terapia preemptiva). Neste estudo serão utilizadas as técnicas do Consensus-Degenerate Hybrid Oligonucleotide Primer (CODEHOP), que foi desenvolvida para detecção e identificação das três subfamílias herpesvirinae conhecidos, com alta especificidade e sensibilidade e a técnica da Nested-PCR com primers específicos para cada herpesvírus estudado. As amostras de plasma utilizadas serão obtidas desde o dia do transplante até o dia +100 após o transplante de 100 pacientes TCPH, coletadas semanalmente. Como objetivo principal será realizar uma análise comparativa entre as duas metodologias avaliando a sensibilidade e funcionalidade na implantação das mesmas em testes de rotina de modo a auxiliar nos cuidados dos pacientes com o diagnóstico destas viroses. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.