Busca avançada
Ano de início
Entree

Exigências de macrominerais em caprinos Saanen de diferentes categorias sexuais

Processo: 14/25629-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 15 de maio de 2015
Vigência (Término): 15 de outubro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Nutrição e Alimentação Animal
Pesquisador responsável:Kléber Tomás de Resende
Beneficiário:José Maurício dos Santos Neto
Supervisor no Exterior: Luis Orlindo Tedeschi
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Local de pesquisa: Texas A&M University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:14/07327-8 - Exigências de macrominerais para ganho em cabritos Saanen de diferentes categorias sexuais, BP.MS
Assunto(s):Minerais   Caprinos   Crescimento animal   Composição corporal   Cabra Saanen

Resumo

Pouco se sabe sobre as exigências de macrominerais em caprinos e ainda não existem publicações que comparem os requisitos entre os diferentes sexos. Neste sentido, objetiva-se, durante o estágio no exterior, determinar as exigências de Ca, P, Mg, Na e K para a manutenção e ganho em machos inteiros, machos castrados e fêmeas da raça Saanen. Os requisitos de crescimento serão estimados usando os dados do projeto Fapesp (2014 /07327-8), para tanto, serão utilizados dois diferentes modelos. Dessa forma, pretende-se estimar o conteúdo dos macrominerais presentes no corpo vazio através de equações alométricas logaritmizada (lineares) preconizadas pelo ARC (1980) e, no sentido de inovação na análise dos dados, também será determinada a composição corporal através de equações não logaritmizadas (não lineares), que terão a sua aplicabilidade avaliada. As exigências líquidas para mantença serão estimadas através de regressão linear dos minerais retidos no corpo (P, Ca, Mg, K e Na; g de mineral/kg de PCV) em relação à ingestão. Além disso, o mestrando irá acompanhar as atividades desenvolvidas pela equipe estrangeira, o que proporcionará o aprendizado de metodologias diferentes das encontradas no Brasil, contribuindo para a formação de recursos humanos de qualidade. No final do estágio no exterior, o estudante de pós-graduação terá escrito e submetido um artigo científico, contribuindo para a maior visibilidade e o impacto da pesquisa científica brasileira. O estágio no exterior será desenvolvido na Texas A&M University localizada nos Estados Unidos da América, sob a orientação do professor Dr. Luis O. Tedeschi, pelo período de março a setembro de 2015. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)