Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização da inibição da enzima oxidase alternativa (AOX) por amidas aromáticas e desenvolvimento de uma plataforma high-throughput screening para a busca de novos inibidores da AOX do fungo Moniliphthora perniciosa

Processo: 14/15339-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Enzimologia
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Gonçalo Amarante Guimarães Pereira
Beneficiário:Mario Ramos de Oliveira Barsottini
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/12852-2 - Triagem de novos inibidores da AOX voltadas para Moniliophthora perniciosa, patógeno do cacaueiro, BE.EP.DR
Assunto(s):Inibidores enzimáticos   Purificação de proteínas   Moniliophthora   Vassoura-de-bruxa

Resumo

O fungo Moniliophthora perniciosa é o agente etiológico da vassoura de bruxa do cacaueiro, doença responsável pelo declínio da produção de cacau no Brasil. Apesar dos grandes prejuízos econômicos e sociais provocados pelo patógeno, ainda se buscam métodos eficazes para o combate dessa praga. M. perniciosa é resistente a uma das classes de fungicidas mais utilizados atualmente, as estrobilurinas, fato que foi atribuído primariamente à ação da enzima mitocondrial Oxidase Alternativa (MpAox). A partir de uma pesquisa visando ao desenvolvimento de novos inibidores da MpAox adequados para o uso na agricultura, moléculas derivadas de amidas aromáticas foram identificadas como drogas potencialmente promissoras para esse fim. Entretanto, estudos aprofundados se mostram necessários para a confirmação dessa hipótese. Assim sendo, o objetivo deste projeto de doutoramento é caracterizar a possível atividade inibitória exercida pelas moléculas derivadas de amidas selecionadas sobre a MpAox. Para tanto, serão desenvolvidos e realizados ensaios bioquímicos com a MpAox recombinante purificada. Adicionalmente, buscar-se-á a adaptação desse ensaio para a tecnologia High-Throughput Screening (HTS), o que tornará possível a triagem de bibliotecas de compostos em busca de inibidores ainda desconhecidos da MpAox. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Identificada molécula capaz de combater a praga do cacau 
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias:
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.