Busca avançada
Ano de início
Entree

Ação do paclitaxel transportado por nanotubos de carbono sobre células de câncer prostático

Processo: 14/26032-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Ramon Kaneno
Beneficiário:Edson José Comparetti
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Paclitaxel   Nanotubos de carbono   Neoplasias da próstata

Resumo

O câncer prostático é o principal tipo de tumor em indivíduos do sexo masculino e a frequência de recidivas e metástases demanda o desenvolvimento de novas propostas diagnósticas e terapêuticas. Neste cenário, o presente projeto foi formulado para desenvolver nanocarreadores para o transporte de agentes antineoplásicos para o interior de células tumorais. Com esse propósito, nanotubos de carbono de paredes múltiplas serão funcionalizadas com polietilenimina (PEI) para a incorporação de paclitaxel, droga de primeira linha para o tratamento do câncer prostático. Essas partículas serão então revestidas com anticorpos dirigidos ao antígeno prostático específico de membrana (anti-PSMA), visando o endereçamento dos carreadores para as células tumorais prostáticas. Adicionalmente, as partículas serão marcadas com isotiocianato de fluoresceína, uma substância fluorescente que permitirá a visualização da aderência ou internalização pelas células alvo. As nanopartículas serão então testadas in vitro quanto: a) a especificidade para células tumorais PSMA+; b) internalização das partículas pelas células tumorais, e c) a atividade citotóxica do paclitaxel imobilizado nos nanocarreadores. Para testar a especificidade os nanocarreadores serão expostos às células LNCaP (tumor prostático humano), células HCT-116 (de câncer colorretal humano: PSMA-), linfócitos e monócitos de sangue periférico de doadores saudáveis. A adesão/internalização será analisada através de microscopia de fluorescência e citometria de fluxo e a atividade citotóxica da droga imobilizada será testada por exposição in vitro de células tumorais-alvo aos nanocarreadores e posterior análise da capacidade de redução de metil tetrazólio (MTT). (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
COMPARETTI, EDSON JOSE; PEDROSA, VALBER DE ALBUQUERQUE; KANENO, RAMON. Carbon Nanotube as a Tool for Fighting Cancer. BIOCONJUGATE CHEMISTRY, v. 29, n. 3, SI, p. 709-718, MAR 2018. Citações Web of Science: 8.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
COMPARETTI, Edson José. Ação do paclitaxel transportado por nanotubos de carbono sobre células de câncer prostático. 2017. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Botucatu)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.