Busca avançada
Ano de início
Entree

As implicações da comunicação midiática e dos serviços telemáticos no ensino de relações públicas: um estudo comparativo

Processo: 15/02383-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2015
Vigência (Término): 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação - Relações Públicas e Propaganda
Pesquisador responsável:Célia Maria Retz Godoy dos Santos
Beneficiário:Rafael Silva Parigi
Supervisor no Exterior: Ana María Cortijo Sánchez
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidad de Sevilla (US), Espanha  
Vinculado à bolsa:13/10333-7 - As implicações da comunicação midiática e dos serviços telemáticos no ensino de Relações Públicas: um estudo comparativo, BP.IC
Assunto(s):Opinião pública   Universidades   Comunicação digital

Resumo

O estudo tem por finalidade investigar como as formas de comunicação digital e a expansão dos serviços telemáticos (via rede) no ensino de graduação, podem interferir no fluxo de informações entre docentes e discentes, mais especificamente no processo de ensino aprendizagem dos cursos de comunicação social em relações públicas. A intenção é compreender quais alterações o novo ambiente de comunicação participativa ou reticular traz ao ato de produção, consumo e difusão do conhecimento, bem como a geração e a manutenção de laços sociais entre os indivíduos que fazem parte do processo do ensino da graduação - técnicos, docentes, alunos e a instituição de ensino. No cenário de universidades cada vez mais adeptas às novas tecnologias como forma de ensino, torna-se rotineiro o fluxo de conteúdo a partir de mídias digitais e dos serviços telemáticos. O objetivo do trabalho é analisar como essa forma de comunicação se faz presente nos cursos de comunicação em Relações Públicas, levantando aspectos relevantes acerca do uso destas mídias e fazendo uma comparação entre a opinião de estudantes brasileiros e espanhóis. O intuito é apresentar fundamentação teórica sobre o tema e suas interfaces, ao mesmo tempo em que se busca realizar pesquisa de caráter qualitativo, por intermédio das técnicas de entrevista em profundidade e grupo focal. Destaca-se que, para a realização da pesquisa definiu-se pela coleta de informações em dois momentos: primeiro com profissionais do ensino (entrevista em profundidade) e, após, com universitários da Unesp e de uma Universidade espanhola (grupo focal), que também tem o curso de relações públicas. O objetivo da pesquisa é obter informações que possibilitem conhecer e avaliar as opiniões dos envolvidos no ensino de Relações Públicas e também estabelecer comparações entre os dois segmentos selecionados para o estudo. Ao final, pretende-se apresentar reflexões sobre os benefícios trazidos por essas mídias ao processo de ensino aprendizagem, visando definir quais os reflexos da comunicação midiática no ensino de Relações Públicas. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.