Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise das mutações do gene IL7R resultantes da quebra induzida por TALEN

Processo: 14/25151-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:José Andrés Yunes
Beneficiário:Leonardo Granato Pissinato
Instituição-sede: Centro Infantil de Investigações Hematológicas Dr Domingos A Boldrini (CIB). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Mutagênese   Leucemia   Oncologia

Resumo

A leucemia linfoide aguda de células T (LLA-T) representa de 10% a 15% dos casos de leucemia linfoide aguda infantil, e é causada pela proliferação descontrolada de precursores de linfócitos T. Dentre as mutações genéticas observadas na LLA-T, está a inserção de um resíduo de cisteína na porção justamembrana extracelular do receptor de IL-7 (IL7R), que leva à sinalização constitutiva JAK/STAT, contribuindo desta forma com a leucemogênese. As mutações concentram-se em um trecho pequeno (20pb) do éxon 6 do gene do IL7R. Neste projeto pretendemos iniciar um estudo dos eventos moleculares que ocasionam estas mutações. A hipótese a ser investigada é se quebras de dupla fita de DNA (DSBs) nessa região do gene IL7R, é suficiente para occorrência de mutações com inserção do códon de cisteína e com que frequência. Para tanto, pretende-se induzir DSBs no éxon 6 da IL7R por meio de TALENs (proteínas de ligação ao DNA associadas a nucleases) e analisar tanto o tipo quanto a frequência das mutações resultantes, em linhagem HEK293T de células de mamífero. Os experimentos serão repetidos, dependendo dos resultados obtidos, em linhagens celulares de linfócitos, com atividade TdT, para fins de comparação das frequências de inserção de cisteína no receptor. Futuramente pretende-de averiguar se o knockdown de proteínas da maquinaria de reparo acentuam a ocorrência de inserções de códon cisteína.