Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência de parâmetros de austenitização na transformação martensítica e nas relações de orientação gama/alfa-linha em aços ferrítico-martensíticos para uso nuclear

Processo: 14/23304-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2015
Vigência (Término): 02 de dezembro de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Metalurgia Física
Pesquisador responsável:Hugo Ricardo Zschommler Sandim
Beneficiário:Kahl Dick Zilnyk
Instituição-sede: Escola de Engenharia de Lorena (EEL). Universidade de São Paulo (USP). Lorena , SP, Brasil

Resumo

O presente projeto tem como objetivo estudar a transformação martensítica em dois aços com elevado potencial para aplicação na indústria nuclear: os aços EUROFER-97 e ODS-EUROFER. Os dois aços possuem composição química bastante similar, porém o ODS-EUROFER é endurecido por uma dispersão nanométrica de partículas de óxidos ricas em ítrio. Estes materiais poderão ser empregados em usinas de fissão e de fusão nucleares na condição revenida. No entanto, picos de temperatura durante a operação do reator podem superar a temperatura de austenitização levando à formação de martensita durante o resfriamento. Objetiva-se aprofundar os estudos em andamento (Projeto FAPESP n° 2013/19197-9) para determinar a influência de parâmetros metalúrgicos na transformação martensítica (temperatura de austenitização, tempo de encharque, tamanho de grão e taxa de resfriamento) quanto às relações de orientação cristalográfica entre a martensita formada e a austenita primária. Para tanto, medidas de EBSD serão realizadas nestes aços para permitir a reconstrução das estruturas-mãe utilizando o software ARPGE adquirido no projeto supracitado. A validação deste software será obtida por meio do estudo de uma liga martensítica modelo do sistema Fe-Ni-C. Medidas de microdureza Vickers, difração de raios X e dilatometria em altas temperaturas serão utilizadas como técnicas complementares para quantificar o endurecimento da martensita, a fração de austenita retida e as temperaturas de transição Ac1, Ac3 e Ms dos materiais.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALMEIDA JUNIOR, D. R.; ZILNYK, K. D.; RAABE, D.; SANDIM, H. R. Z. Reconstructing the austenite parent microstructure of martensitic steels: A case study for reduced-activation Eurofer steels. JOURNAL OF NUCLEAR MATERIALS, v. 516, p. 185-193, APR 1 2019. Citações Web of Science: 0.
ZILNYK, K. D.; ALMEIDA JUNIOR, D. R.; SANDIM, H. R. Z.; RIOS, P. R.; RAABE, D. Misorientation distribution between martensite and austenite in Fe-31 wt%Ni-0.01 wt%C. ACTA MATERIALIA, v. 143, p. 227-236, JAN 15 2018. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.