Busca avançada
Ano de início
Entree

Revisão taxonômica e estudo filogenético da série de Ischnocnema guentheri (Anura: Brachycephalidae)

Processo: 14/05772-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 31 de maio de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Célio Fernando Baptista Haddad
Beneficiário:Pedro Paulo Goulart Taucce
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/50741-7 - Diversidade e conservação dos anfíbios brasileiros, AP.BTA.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):16/22450-6 - Caracterização genética e especiação do complexo de Ischnocnema guentheri-I. henselii (Anura: Brachycephalidae) em uma escala filogenômica, BE.EP.DR
Assunto(s):Filogenia   Inferência bayesiana   Sistemática   Zoologia (classificação)   Herpetologia

Resumo

O gênero Ischnocnema compreende 32 espécies divididas em cinco séries de espécies. Dentre elas, a série de I. guentheri conta com 10 espécies que se distribuem principalmente pela Mata Atlântica brasileira. A taxonomia desta série tem sido muito discutida ao longo dos anos e sua posição filogenética tem se mostrado bastante instável. Além disso, dentro da série de I. guentheri algumas espécies têm status taxonômico bastante confuso. Ischnocnema guentheri foi considerada durante muito tempo uma espécie de distribuição extremamente ampla e, apesar de sua localidade tipo se encontrar dentro da cidade do Rio de Janeiro, a espécie era considerada presente em mais seis estados brasileiros. No entanto, estudos moleculares e bioacústicos recentes indicaram que I. guentheri na verdade pode ser um complexo de pelo menos seis espécies. Outro exemplo dentro da série é Ischnocnema izecksohni, considerada endêmica do Quadrilátero Ferrífero, porção sul da Cadeia do Espinhaço, no estado de Minas Gerais. Esta espécie, descrita da cidade de Belo Horizonte, tem como espécie mais próxima I. nasuta. Porém, dados bioacústicos confirmaram que I. izecksohni é mais amplamente distribuída, chegando até o complexo da Mantiqueira, também em Minas Gerais. A partir destes dados e no fato de I. izecksohni ser descrita com base em caracteres subjetivos, alguns autores questionaram a validade desta espécie com relação a I. nasuta. O presente trabalho pretende fazer uma revisão taxonômica dos membros da série de I. guentheri baseando-se em dados bioacústicos, morfológicos e moleculares, além de testar o monofiletismo desta série de espécies como hoje é conhecida. (AU)

Publicações científicas (6)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VERA CANDIOTI, FLORENCIA; GOLDBERG, JAVIER; AKMENTINS, MAURICIO S.; NOGUEIRA COSTA, PAULO; GOULART TAUCCE, PEDRO PAULO; POMBAL, JR., JOSE. Skeleton in the closet: hidden diversity in patterns of cranial and postcranial ontogeny in Neotropical direct-developing frogs (Anura: Brachycephaloidea). ORGANISMS DIVERSITY & EVOLUTION, v. 20, n. 4, p. 763-783, DEC 2020. Citações Web of Science: 0.
GOLDBERG, JAVIER; TAUCCE, PEDRO P. G.; INES QUINZIO, SILVIA; HADDAD, CELIO F. B.; VERA CANDIOTI, FLORENCIA. Increasing our knowledge on direct-developing frogs: The ontogeny of Ischnocnema henselii (Anura: Brachycephalidae). ZOOLOGISCHER ANZEIGER, v. 284, p. 78-87, JAN 2020. Citações Web of Science: 0.
TAUCCE, PEDRO P. G.; ZAIDAN, BARBARA F.; ZAHER, HUSSAM; GARCIA, PAULO C. A. A new species of Ischnocnema Reinhardt and Lutken, 1862 (Anura: Brachycephalidae) of the I. lactea species series from southeastern Brazil. Zootaxa, v. 4706, n. 4, p. 531-545, DEC 11 2019. Citações Web of Science: 0.
TAUCCE, PEDRO P. G.; CANEDO, CLARISSA; HADDAD, CELIO F. B. Two New Species of Ischnocnema (Anura: Brachycephalidae) from Southeastern Brazil and their Phylogenetic Position within the I. guentheri Series. HERPETOLOGICAL MONOGRAPHS, v. 32, p. 1-21, DEC 2018. Citações Web of Science: 3.
TAUCCE, PEDRO P. G.; CANEDO, CLARISSA; PARREIRAS, JULIA SOARES; DRUMMOND, LEANDRO O.; NOGUEIRA-COSTA, PAULO; HADDAD, CELIO F. B. Molecular phylogeny of Ischnocnema (Anura: Brachycephalidae) with the redefinition of its series and the description of two new species. Molecular Phylogenetics and Evolution, v. 128, p. 123-146, NOV 2018. Citações Web of Science: 3.
TAUCCE, PEDRO P. G.; CANEDO, CLARISSA; HADDAD, CELIO F. B.; LEMMON, ALAN R.; LEMMON, EMILY MORIARTY; VENCES, MIGUEL; LYRA, MARIANA. The mitochondrial genomes of five frog species of the Neotropical genus Ischnocnema (Anura: Brachycephaloidea: Brachycephalidae). MITOCHONDRIAL DNA PART B-RESOURCES, v. 3, n. 2, p. 915-917, 2018. Citações Web of Science: 1.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
TAUCCE, Pedro Paulo Goulart. Revisão taxonômica e estudo filogenético da série de Ischnocnema guentheri (Anura : Brachycephalidae). 2018. 249 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.