Busca avançada
Ano de início
Entree

Cultivo de células neoplásicas de ovário e linfócitos humano

Processo: 15/01890-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Fernando Guimarães
Beneficiário:Dominic Ayala Biffi
Instituição-sede: Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher (CAISM). Hospital da Mulher Professor Doutor José Aristodemo Pinotti. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/17444-1 - Interação entre linfócitos T-reg e NK de pacientes com câncer de ovário durante a resposta citotóxica contra neoplasias de ovário, AP.R
Assunto(s):Células matadoras naturais   Cultura de células

Resumo

O projeto "Interação entre linfócitos T-reg e NK de pacientes com câncer de ovário durante a resposta citotóxica contra neoplasias de ovário", ao qual a bolsa de Treinamento Técnico 1 estará vinculada, tem como objetivo avaliar a interação entre linfócitos NK e T-reg de pacientes com câncer de ovário, elucidando os possíveis mecanismos de modulação da função efetora das células NK. Entre outros procedimentos, técnicas de cultivo celular serão amplamente utilizadas. Suspensões de células neoplásicas primárias derivadas do câncer de ovário, bem como de linhagens tumorais, serão mantidas para a avaliação da função antitumoral de linfócitos CD56+. Da mesma forma, linfócitos efetores CD56+ de pacientes serão manipulados e cultivados in vitro, visando ativação, expansão seletiva e/ou isolamento destas células. Particularmente, em relação ao carcinoma de ovário, células viáveis serão obtidas a partir da carcinomatose peritoneal associada ao câncer ou, ainda, a partir de fragmentos viáveis de tumores de pacientes submetidas à cirurgia. Estas células serão expandidas por tempo limitado por meio do cultivo celular, porém, eventualmente, novas linhagens celulares, com crescimento ilimitado, poderão ser geradas. Recentemente, uma nova linhagem de células neoplásicas de ovário foi obtida pelo grupo de pesquisa a partir das células neoplásicas presentes na ascite de uma paciente. Esta linhagem, identificada como CAISM24OV, vem sendo caracterizada e, atualmente, encontra-se no 72o repique.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)