Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito protetor do leite fluoretado contra a erosão dentária: compreensão dos mecanismos

Processo: 14/22430-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2015
Vigência (Término): 31 de outubro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Odontologia Social e Preventiva
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Marília Afonso Rabelo Buzalaf
Beneficiário:Luiza de Paula Silva Cassiano
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Erosão dentária   Bioquímica   Proteômica

Resumo

Os objetivos deste trabalho serão responder às seguintes questões: 1) o leite integral fluoretado protege mais contra a erosão do esmalte e dentina do que o leite fluoretado desnatado?; 2) o efeito protetor do leite fluoretado contra a erosão segue um padrão dose-resposta?; 3) o tratamento com leite integral ou leite desnatado fluoretado antes do primeiro desafio erosivo protege mais contra a erosão do esmalte e dentina do que o tratamento após o primeiro desafio erosivo?; 4) o leite contendo gordura altera o perfil proteico da película adquirida, aumentando sua resistência ácida? Esse estudo será dividido em 2 partes. Para a parte I serão utilizados blocos de esmalte e dentina bovina, que passarão pelos tratamentos (n=15/grupo): solução de NaCl 0,9% (controle negativo)(T1); leite integral bovino com 0ppmF (T2); leite integral bovino com 2,5ppmF (T3); leite integral bovino com 5,0ppmF (T4); leite integral bovino com 10,0ppmF (T5); leite desnatado bovino com 0ppmF (T6); leite desnatado bovino com 2,5pp F (T7); leite desnatado bovino com 5,0ppmF (T8); leite desnatado bovino com 10,0 ppmF (T9); solução de NaF 0,05% (controle positivo) (T10); leite integral bovino com 0 ppm F (leite antes do primeiro desafio erosivo) (T11); leite integral bovino com 2,5ppmF (leite antes do primeiro desafio erosivo) (T12); leite integral bovino com 5,0ppmF (leite antes do primeiro desafio erosivo) (T13); leite integral bovino com 10,0ppmF (leite antes do primeiro desafio erosivo) (T14); leite desnatado bovino com 0ppmF (leite antes do primeiro desafio erosivo) (T15); leite desnatado bovino com 2,5ppmF (leite antes do primeiro desafio erosivo) (T16); leite desnatado bovino com 5,0ppmF (leite antes do primeiro desafio erosivo) (T17); leite desnatado bovino com 10,0ppmF (leite antes do primeiro desafio erosivo) (T18); solução de NaF 0,05% (controle positivo; antes do primeiro desafio erosivo) (T19). Os blocos serão submetidos a regimes de des-remineralização, durante 5 dias, 4 vezes por dia, sendo que para od tratamentos T1-T10 a imersão nos tratamentos será feita após o primeiro desafio erosivo em cada dia e para T11-T19, o tratamento será feito antes. A variável de resposta será a análise de desgaste, avaliada por perfilometria (µm). Para a parte II serão utilizados 90 blocos de esmalte e 90 de dentina bovina (8X8 mm), os blocos serão imersos em saliva humana para formação de película adquirida e divididos em 3 grupos (n=30 por grupo): leite integral, leite desnatado ou água deionizada. O tratamento será: imersão em 30 mL de leite integral, leite desnatado ou água deionizada por 1 min seguida por imersão em 30 mL slurry 1:1 do leite correspondente ou água deionizada e saliva humana por 10 min. Na sequência, serão imersos em saliva humana por 50 min. Dos 30 blocos/grupo, metade será utilizada para o desafio erosivo e análise de cálcio na solução e o restante para análise proteômica. A película adquirida será formada sobre os blocos mediante exposição a pool de saliva humana estimulada, de 3 voluntários. A película será coletada com papel filtro embebido em ácido cítrico 3% e processada para análise por LC-ESI-MS/MS. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CASSIANO, LUIZA P. S.; VENTURA, TALITA M. S.; SILVA, CINTIA M. S.; LEITE, ALINE L.; MAGALHAES, ANAC; PESSAN, JULIANO P.; RABELO BUZALAF, MARILIA AFONSO. Protein Profile of the Acquired Enamel Pellicle after Rinsing with Whole Milk, Fat-Free Milk, and Water: An in vivo Study. Caries Research, v. 52, n. 4, p. 288-296, 2018. Citações Web of Science: 2.
CASSIANO, LUIZA P. S.; CHARONE, SENDA; SOUZA, JULIANA G.; LEIZICO, LIGIA C.; PESSAN, JULIANO P.; MAGALHAES, ANA CAROLINA; RABELO BUZALAF, MARILIA AFONSO. Protective Effect of Whole and Fat-Free Fluoridated Milk, Applied before or after Acid Challenge, against Dental Erosion. Caries Research, v. 50, n. 2, p. 111-116, 2016. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.