Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da seleção de espermatozóides bovinos, através de centrifugação em Percoll, pré-congelação, e Percoll ou TALP, pós-congelação, sobre a cinética e viabilidade espermática, e taxa de FIV

Processo: 14/19261-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2015
Vigência (Término): 31 de outubro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Alicio Martins Júnior
Beneficiário:Jaqueline Poleto Bragato
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária (FMVA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Bovinos   Fertilização in vitro

Resumo

O presente trabalho tem por objetivo verificar os efeitos da seleção espermática através de centrifugação em camada única de Percoll® (CCUP; a 90%), pré-congelação, bem como em gradiente descontínuo e CCUP, pós-descongelação, avaliando-se os parâmetros espermáticos e taxa de fertilização in vitro (FIV). O sêmen de três touros da raça Nelore (12 amostras no total, sendo quatro para cada grupo experimental), mantidos em centro de coleta e processamento de sêmen (CCPS), será coletado através de vagina artificial. No exp. I, o sêmen de cada um dos touros será misturado e dividido igualmente (1.000 x 106 espermatozoides sobre coluna de gradiente) entre os grupos controle (sem CCPU, P0) e aqueles submetidos à CCUP (volumes de 9 mL ou 6 mL, grupos P9 e P6, respectivamente), sendo que P9 e P6 serão centrifugados a 700 x g/12 min, antes da congelação. No exp. II, quatro amostras de sêmen congelado de cada grupo, obtidas no exp. I, serão submetidas à seleção espermática, antes da FIV; assim, após descongelação, o sêmen será depositado sob gradiente descontínuo de Percoll (45 e 90%) e centrifugado a 700 x g/15 min e, a seguir, a 250 x g/5 min, sendo esta última para lavagem dos espermatozoides. No exp. III, o melhor resultado obtido no exp. II será comparado com amostras de sêmen dos grupos P9 e P6, porém, desta vez, submetidas à CCUP a 90%. Avaliações da motilidade, vigor, concentração e morfologia espermática serão realizadas antes, pós-centrifugação e pós-descongelação. O diluente de congelação, bem como os procedimentos de diluição, resfriamento e congelação serão os de rotina no CCPS. Os exames pós-descongelação serão feitos através de análise computadorizada da cinética do espermatozoide (CASA), integridade de membrana (iodeto de propídeo e carboxifluoresceína), sendo que a FIV (às 72 horas pós-inseminação) será realizada nos três experimentos, a partir de oócitos bovinos maturados, fertilizados e cultivados in vitro. ANOVA e teste de Tukey serão empregados para as análises estatísticas referentes às avaliações pré e pós-congelação, com P<0,05 aceito como significativo.