Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da atividade metabólica celular in vitro sobre diferentes amostras de ligas de titânio visando aplicações biomédicas

Processo: 15/01258-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Luana Marotta Reis de Vasconcellos
Beneficiário:Laís Siebra de Brito Ramos
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Citocinas   Citotoxicidade   Ligas de titânio   Histologia

Resumo

Nas últimas décadas houve um aumento na expectativa de vida da população, o que resultou no crescimento da utilização dos implantes metálicos para aplicações biomédicas. Além de ser biocompatíveis, os materiais utilizados para a fabricação destes implantes necessitam apresentar adequado módulo de elasticidade e resistência à corrosão. O titânio (Ti) e suas ligas são os materiais mais usados para esta finalidade, já que exibem tais características e sua elasticidade pode ser controlada pela confecção de poros e pelo material do qual o implante é fabricado. A topografia de superfície bem como a energia de superfície do material afetam os mecanismos biológicos de interação osso-implante e suas respostas inflamatórias. Diante disso, o objetivo principal deste estudo será avaliar o padrão de expressão das citocinas pró-inflamatórias, TNF-alfa e Interleucina-6, da diferenciação e metabolismo celular de osteoblastos obtidos da, frente à amostras confeccionadas com diferentes ligas de titânio, Ti6Al4V e Ti35Nb, exibindo superfície porosa. Serão utilizadas amostras confeccionadas pela metalurgia do pó, que serão divididas em 2 grupos: a) grupo 1: controle - liga de Ti-6Al-4V (titânio-alumínio-vanádio); b) grupo 2: liga de Ti-35Nb (nióbio). As células obtidas da linhagem celular MG63, serão cultivadas por 3 e 10 dias sobre as amostras. Posteriormente em cada amostra, serão realizados os testes para determinar a viabilidade celular (MTT), quantificação da proteína total, da proteína carbonilada, e da atividade da fosfatase alcalina (ALP), avaliação da produção de citocinas TNF-± e IL-6, e quantificação dos nódulos de matriz mineralizada. Todos os ensaios biológicos serão realizados em três experimentos independentes. O software GraphPad Prism (GraphPad, San Diego, CA) será usado para realizar as análises estatísticas. Os dados serão analisados por meio do ANOVA. Quando necessário, serão realizadas comparações por meio do teste de Tukey. O nível de significância adotado será o valor convencional de 5%.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
REIS MELLO, DAPHNE DE CAMARGO; DE OLIVEIRA, JONATAS RAFAEL; ALVES CAIRO, CARLOS ALBERTO; DE BRITO RAMOS, LAIS SIEBRA; DA CRUZ VEGIAN, MARIANA RAQUEL; DE VASCONCELLOS, LUIS GUSTAVO OLIVEIRA; DE OLIVEIRA, FELIPE EDUARDO; DE OLIVEIRA, LUCIANE DIAS; REIS DE VASCONCELLOS, LUANA MAROTTA. Titanium alloys: in vitro biological analyzes on biofilm formation, biocompatibility, cell differentiation to induce bone formation, and immunological response. JOURNAL OF MATERIALS SCIENCE-MATERIALS IN MEDICINE, v. 30, n. 9 SEP 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.