Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito de fontes de energia (amido ou pectina) e da suplementação com propionato de cromo, em dietas com alta densidade energética, nos parâmetros de resistência à insulina vacas de leiteiras lactantes

Processo: 15/01533-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2015
Vigência (Término): 30 de abril de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:José Luiz Moraes Vasconcelos
Beneficiário:Leticia Aparecida Casarin Lourenço
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Resistência à insulina   Suplementação alimentar   Propionatos   Glicose   Cromo   Bovinos leiteiros   Experimentação animal

Resumo

O objetivo deste estudo será avaliar o efeito de diferentes fontes de energia (amido ou pectina) e da suplementação com propionato de cromo, em dietas com alta densidade energética, nos parâmetros de resistência à insulina através do teste de tolerância a glicose (TTG) em vacas leiteiras lactantes. Serão utilizadas 24 vacas multíparas em lactação, 3/4 Holandês/Gir com 80 ± 7 dias de lactação no início do experimento, estratificadas de acordo com produção de leite e ECC, distribuídas aleatoriamente em 4 tratamentos no d0 do experimento: 1) dieta a base de milho visando atender 160% dos requerimentos de mantença mais os requisitos de lactação, sem suplementação de cromo (n=6); 2) dieta a base de milho visando atender 160% dos requerimentos de mantença mais os requisitos de lactação, com suplementação de cromo (n=6; 2,5g de KemTRACETM Propionato de Cromo 0,4% - Kemin Industries, Inc, misturado em 97,5g de fubá de milho/animal/dia), 3) dieta a base de polpa cítrica peletizada visando atender 160% dos requerimentos de mantença mais os requisitos de lactação, sem suplementação de cromo (n=6); 4) dieta a base de polpa cítrica peletizada visando atender 160% dos requerimentos de mantença mais os requisitos de lactação, com suplementação de cromo (n=6; 2,5g de KemTRACETM Propionato de Cromo 0,4%, misturado em 97,5g de fubá de milho/animal/dia). Testes de tolerância a glicose (n = 3) serão realizados no d-2 (dois dias antes de iniciar o experimento) e no d100 e no d200 do período experimental. Amostras de sangue serão colhidas aos -15, 0 (antes da infusão), 10, 20, 30, 45, 60, 90 e 120 minutos após o início da infusão de 0,5g de dextrose/ kg de PV para a determinação dos valores séricos de insulina e glicose. Os dados serão analisados utilizando o procedimento MIXED do SAS. Os dados de glicose, insulina serão analisados como medidas repetidas.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)