Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência do ciclo térmico no desempenho de aços mola

Processo: 15/07358-3
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2015
Vigência (Término): 31 de agosto de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Metalurgia de Transformação
Pesquisador responsável:Lauralice de Campos Franceschini Canale
Beneficiário:Vinícius Richieri Manso Gonçalves
Supervisor no Exterior: Vojteh Leskovšek
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa : Institute of Metals and Technology (IMT), Eslovênia  
Vinculado à bolsa:13/16714-2 - Influência do ciclo térmico no desempenho de aços mola, BP.IC
Assunto(s):Tratamento térmico   Propriedades mecânicas   Aço   Tenacidade dos materiais

Resumo

Os aços mola são os materiais mais utilizados nas suspensões de automóveis e estão sujeitos a grandes esforços em termos de carga, impacto e também sob intensa solicitação à fadiga. A resistência frente a essas solicitações depende principalmente da composição química e dos tratamentos térmicos aplicados. Após um ano de pesquisa financiada pela FAPESP, importantes resultados foram alcançados sobre a influência do tratamento criogênico sobre as propriedades mecânicas dos aços mola. Com a extensão da bolsa, novos ensaios de fadiga e de impacto serão realizados para investigar as variações no comportamento mecânico proporcionadas pelo tratamento criogênico em combinação com o processo de shotpeening. Além disso, um estudo comparativo será realizado entre os diferentes tratamentos sobre a tensão residual provocada no material. Dentro desse panorama, a oportunidade de se desenvolver um projeto de pesquisa no exterior surgiu devido aos recentes estudos elaborados no IMT (Instituto de Metais e Tecnologia) de Ljubljana, Eslovênia, sobre os aços mola, onde uma técnica alternativa para medir a tenacidade à fratura vem sendo aplicada de forma inovadora. Assim, esse projeto visa complementar a análise sobre a influência do ciclo térmico no desempenho dos aços SAE 5160 e superclean em relação à tenacidade à fratura por meio dessa técnica de medição que, após os treinamentos no exterior, será aplicada nas demais pesquisas desenvolvidas pelo grupo no Brasil. (AU)