Busca avançada
Ano de início
Entree

Perfil traducional do mutante de hipusinação de eIF5A dys1-1

Processo: 15/01938-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2015
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Sandro Roberto Valentini
Beneficiário:Amanda Piovesan Ucci
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:10/50044-6 - Controle da expressão gênica em nível traducional: estudo do papel de elF5A na elongação da tradução, AP.TEM
Assunto(s):Tradução   Proteínas

Resumo

Os avanços no estudo de eIF5A têm mostrado um importante impacto de sua função no processo de síntese proteica, mais especificamente, na etapa de elongação da tradução. Recentemente, eIF5A foi envolvida na elongação da tradução de proteínas contendo sequências, ou motifs, com três ou mais resíduos de prolina consecutivos, através do estímulo da atividade da peptidiltransferase do ribossomo (PTC). Foi demonstrado que estas sequências podem agir como stalling motifs para o ribossomo e que a ligação de eIF5A entre os sítios P e E do ribossomo posicionam seu resíduo de lisina modificado em hipusina (K51 em Saccharomyces cerevisiae; K50 em humano) no PTC facilita sua síntese. Esta mesma função foi observada para o fator EF-P de bactérias, homólogo de eIF5A, e também foi descrito que o contexto ao redor das sequências de prolinas pode influenciar positiva ou negativamente sua produção pelo ribossomo. Assim, torna-se cada vez mais importante determinar o grupo de proteínas que requerem a atividade de eIF5A para se melhor compreender os reflexos biológicos celulares da função de eIF5A, como a importância de eIF5A para a transição G1/S, já descrita em diferentes organismos. Para tanto, propõe-se uma atualização do Plano de trabalho desta bolsa de pós-doutorado, adequado ao curto tempo restante de bolsa. Os experimentos propostos neste plano visam melhorar o entendimento da relação funcional de eIF5A com o controle da expressão gênica em nível traducional por meio da realização de perfil traducional. Desta forma, é proposto analisar o perfil traducional (mRNAs associados aos ribossomos) do mutante de hipusinação de eIF5A dys1-1, mutante da primeira enzima necessária para esta modificação (desoxi-hipusina sintase - Dys1 em S. cerevisiae), utilizando RNA-Seq. Espera-se, assim, que a comparação entre os resultados obtidos de selvagem e mutante dys1-1 por bioinformática revele mRNAs que são mais ou menos traduzidos no mutante deficiente de eIF5A funcional (dys1-1). Esta solicitação de bolsa de pós-doutorado, portanto, enquadra-se no objetivo 5 deste projeto temático (Análise da relação de eIF5A com a via secretória e controle traducional da expressão gênica).