Busca avançada
Ano de início
Entree

Relação da cinemática do pé na carga medial em indivíduos com osteoartrite no compartimento medial: implicações biomecânicas para a resposta à intervenções

Processo: 15/05033-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Stela Márcia Mattiello
Beneficiário:Luiz Fernando Approbato Selistre
Supervisor no Exterior: Richard Keith Jones
Instituição-sede: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Salford, Manchester, Inglaterra  
Vinculado à bolsa:13/23644-0 - Momento adutor do joelho durante a marcha, torque abdutor do quadril e biomarcadores: estudo na progressão da osteoartrite do joelho, BP.DR
Assunto(s):   Osteoartrite   Marcha   Cinemática   Joelho

Resumo

Indivíduos com osteoartrite do joelho (OAJ) apresentam diferentes respostas biomecânicas diante de intervenções e estratégias de tratamento da doença, como órteses, braces e sapatos, têm sido propostas para minimizar o momento adutor externo do joelho (MAEJ). O pé desempenha um importante papel na manutenção da estabilidade dinâmica e no movimento à frente do corpo durante a marcha. O pé apresenta características complexas nos diferentes planos que muitas vezes não são detectadas por meio do modelo de segmento único do pé. Por esta razão, modelos que analisam o pé como uma estrutura com vários segmentos têm sido proposta, detalhando os movimentos do pé. É necessário entender o papel do complexo articular do tornozelo em indivíduos com e sem OAJ e identificar o motivo de alguns indivíduos responderem positivamente e outros negativamente diante de diferentes tratamento para o pé. O objetivo desse estudo é de investigar a relação entre a cinemática e postura do pé e o MAEJ em indivíduos com OAJ medial. Para a análise da marcha será utilizado um sistema de câmeras Qualysis Proreflex para obtenção dos dados cinemáticos e plataformas de força serão utilizadas para obtenção dos dados cinéticos. Por meio da dinâmica inversa o programa Visual 3D irá calcular o MAEJ durante a fase de apoio da marcha. A postura do pé será mensurada por meio do Índice de Postura do Pé (IPP), altura e queda do navicular. A diferença entre os grupos (com e sem OAJ) será avaliada por meio do teste t-student para variáveis independentes de modo a determinar a relação da cinemática e postura do pé no MAEJ utilizando um nível de significância de 5%. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
APPROBATO SELISTRE, LUIZ FERNANDO; GONCALVES, GLAUCIA HELENA; NAKAGAWA, THERESA HELISSA; PETRELLA, MARINA; JONES, RICHARD KEITH; MATTIELLO, STELA MARCIA. The role of hip abductor strength on the frontal plane of gait in subjects with medial knee osteoarthritis. PHYSIOTHERAPY RESEARCH INTERNATIONAL, v. 24, n. 4 OCT 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.