Busca avançada
Ano de início
Entree

Virada coreográfica: um estudo sobre iniciativas de vanguarda da dança nos anos de 1950 e de 1960

Processo: 15/05934-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2015
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Dança
Pesquisador responsável:Matteo Bonfitto Júnior
Beneficiário:Karina Campos de Almeida
Supervisor no Exterior: Lynn Garafola
Instituição-sede: Instituto de Artes (IA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa: Columbia University in the City of New York, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:13/02781-0 - Entre - territórios: a dança como catalisadora de diferentes noções de composição, BP.DR
Assunto(s):Coreografia

Resumo

A presente pesquisa de doutorado, em andamento, visa investigar em que medida a composição em dança pode ser expandida através do diálogo com práticas provenientes de outras formas de arte. Adotando um trabalho teórico-prático, apresenta-se como estudo de caso algumas práticas composicionais exploradas por três diferentes artistas: o cineasta Sergei Eisenstein, o compositor John Cage e o pintor Wassily Kandinsky. Apresenta-se aqui, uma proposta de trabalho para ser desenvolvida durante a estadia de seis meses no Barnard College Department of Dance, Columbia University (EUA). Este intercâmbio visa preencher uma troca científica, considerando um contexto histórico específico: Uma virada coreográfica, que ocorreu nos anos de 1950 e de 1960. Mais especificamente, a partir do início dos anos 1950 em diante, tem sido possível identificar muitas mudanças, não apenas na dança mas também em outros campos das artes, no que se refere ao entendimento do corpo e também noções específicas relacionadas à ele, tais como corporalidade, efemeridade e performatividade. Os termos coreografia e coreógrafo adquiriram outros significados devido à ideia de processo criativo colaborativo, que incentivou os artistas a repensarem as hierarquias entre corpo e espaço-tempo, dança e espectador, dançarino e coreógrafo, etc. Tendo isso em mente, esse projeto de estágio e pesquisa visa estudar de que modo essas iniciativas vanguardistas ampliaram as possibilidades de criação de dança. Para tanto, pretende-se analisar as práticas de alguns artistas relacionados à Judson Dance Theater, questionando em que medida noções como "partitura" e "tarefas" ampliaram o trabalho com a estrutura e os elementos composicionais de uma dança. Este enquadramento foi adotado a fim de refinar o corpus teórico da tese em processo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)