Busca avançada
Ano de início
Entree

As viagens de Jean Paul pela galáxia da literatura alemã

Processo: 15/03046-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2015
Vigência (Término): 31 de maio de 2017
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Filosofia
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Oliver Tolle
Beneficiário:Juliana Ferraci Martone
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):15/21129-7 - Jean Paul: o firmamento da literatura alemã, BE.EP.MS
Assunto(s):Estética (filosofia)   Teoria estética   Literatura alemã   Humor

Resumo

Este projeto de pesquisa bem poderia ser dividido em duas frentes complementares. A primeira consiste num ensaio sobre a teoria estetica de Johann Paul Friedrich Richter (Jean Paul) presente em sua obra Vorschule der Asthetik, e a segunda na realização de uma tradução de passagens selecionadas desse texto teórico, publicado inicialmente em 1804.As características do pensamento estético de Jean Paul serão investigadas na sua obra Vorschule der Asthetik, em suas preleções em Leipzig e no texto complementar, publicado em 1825, Kleine Nachschule der Asthetik. Além disso, a teoria do humor, desenvolvida nesses textos, e uma espécie de centro comum, para o qual seus pensamentos convergem. Investigaremos, ainda, como a falência da filosofia em solucionar seus problemas se transforma em possibilidades ilimitadas na esfera da poesia; como Jean Paul transforma a fantasia (Phantasie) em faculdade soberana e a "epistemologia" não num sistema de princípio único bem acabado, mas numa enciclopédia dos conhecimentos humanos. Em vista disso, pretendemos entender como Jean Paul, situado num contexto intelectual efervescente - oscilante entre a filosofia do século XVII, a Aufklarung, o idealismo de Fichte e o romantismo alemão - e capaz de desenvolver ideias próprias e muito particulares que dialogam com sua época e, ao mesmo tempo, distanciam-se de qualquer lugar-comum imaginável. (AU)