Busca avançada
Ano de início
Entree

Sistemática das espécies de stomatosematidi (Diptera: Cecidomyiidae), com ênfase para a região neotropical

Processo: 15/05236-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2015
Vigência (Término): 31 de março de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Carlos José Einicker Lamas
Beneficiário:Antonio Marcelino Do Carmo Neto
Instituição-sede: Museu de Zoologia (MZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Filogenia   Diptera   Cecidomyiidae   Região neotropical

Resumo

Cecidomyiidae é uma das famílias mais diversificadas da Ordem Diptera, com 6131 espécies conhecidas e está organizada em seis subfamílias: Catotrichinae, Lestremiinae, Mycromyinae, Winnertziinae, Porricondylinae e Cecidomyiinae. Há uma variedade de hábitos na família, de micófagos a galhadores, inquilinos ou predadores de afídeos. O hábito micófago, presente desde a base de Sciaroidea, superfamília que engloba Cecidomyiidae, permanece em Catotrichinae, Lestremiinae, Mycromyinae, Porricondylinae e em algumas supertribos de Cecidomyiinae, como Stomatosematidi, Brachineuridi e em poucas espécies de Lasiopteridi. Stomatosematidi possui dois gêneros, Didactylomyia e Stomatosema, com 22 espécies viventes previamente descritas. Em contraste com o elevado número de espécies há poucos estudos taxonômicos sobre Cecidomyiidae na região Neotropical, especialmente quanto às espécies não galhadoras, apesar destas representarem cerca de 25% da diversidade de espécies da família. Neste trabalho será realizada a primeira análise filogenética da supertribo Stomatosematidi por meio de estudo dos espécimes-tipo das espécies já descritas e das primeiras espécies encontradas na região Neotropical, que constituem um possível novo gênero. Os espécimes neotropicais foram coletados no Mato Grosso do Sul, entre os anos de 2011 e 2012, abrangendo as fitosionomias de Floresta Estacional Semidecidual, do Cerrado, Pantanal e Chaco. Foram encontradas e descritas sete espécies novas, através de coletas do projeto "Rede Temática para Estudos de Diversidade, Sistemática e Limites Distribucionais de Diptera nos Estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Rondônia", do programa Sisbiota-Diptera (CNPq, Proc. No. 563.256/2010-9/ FAPESP, Proc. No. 2010/52.314-0). A inclusão dessas espécies neotropicais trouxe variação não descrita previamente nas diagnoses dos gêneros conhecidos, o que torna necessária a realização de estudos filogenéticos para testar o monofiletismo dos referidos gêneros. Os espécimes-tipo terão sua morfologia esquematizada e utilizada para confecção da matriz de caracteres e posterior análise cladística. Esse trabalho contribuirá para o preenchimento da lacuna de conhecimento das relações de parentesco entre as espécies da família Cecidomyiidae, grupo grandemente representativo da ordem Diptera, assim como para o aumento do conhecimento da dipterofauna da região Neotropical. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DO CARMO-NETO, ANTONIO MARCELINO; EINICKER LAMAS, CARLOS JOSE; URSO-GUIMARAES, MARIA VIRGINIA. New species and records of the supertribe Stomatosematidi (Diptera: Cecidomyiidae) in Brazil. Zootaxa, v. 4608, n. 1, p. 119-130, MAY 17 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.