Busca avançada
Ano de início
Entree

Participação da via extracelular AMPc-adenosina na contração de músculo liso vascular e não vascular

Processo: 15/06627-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Bioquímica e Molecular
Pesquisador responsável:Rosely Oliveira Godinho
Beneficiário:Raíssa de Paula Moro
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ducto deferente   Aorta   Músculo liso   AMP cíclico   Adenosina   Transdução de sinais

Resumo

O monofosfato cíclico de adenosina (AMPc) é um segundo mensageiro celular envolvido na regulação de vários processos fisiológicos, inclusive da contração muscular. A ativação de adrenoceptores beta2 (beta2-AR) acoplados à proteína G estimulatória (Gs) acarreta a estimulação da atividade da enzima adenilil ciclase (AC), resultando no aumento da concentração de intracelular de AMPc. Esse aumento culmina na potenciação da contração muscular cardíaca e esquelética ao mesmo tempo que promove o relaxamento da musculatura lisa brônquica e vascular. Embora o término de ação do AMPc seja garantido pela sua degradação em 5'-AMP por fosfodiesterases, estudos recentes do nosso grupo mostram que o aumento do AMPc intracelular no músculo esquelético é transitório e seguido por seu efluxo mediado por transporte ativo. Fora da célula, a degradação do AMPc por ecto-fosfodiesterases dá origem ao 5'-AMP, que por sua vez é substrato de ecto-5'-nucleotidases, resultando na formação de adenosina que atenua o inotropismo positivo de agonistas de beta2-AR. Poucos estudos atentaram a avaliar o papel dessa via de sinalização do AMPc na contração do músculo liso vascular e não vascular. Desta forma, este projeto tem como objetivo investigar a relevância da via extracelular AMPc-adenosina na resposta contrátil do músculo liso vascular e não vascular.