Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da incorporação de epigalocatequina galato em sistema adesivo convencional na resistência flexural e durabilidade de união à dentina afetada por cárie

Processo: 15/06259-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Pesquisador responsável:Flavia Lucisano Botelho Do Amaral
Beneficiário:Renata Czech
Instituição-sede: Centro de Pesquisas Odontológicas São Leopoldo Mandic. Faculdade São Leopoldo Mandic (SLMANDIC). Sociedade Regional de Ensino e Saúde S/S Ltda (SRES). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Dentística restauradora   Resistência à tração   Resistência à flexão   Adesivos dentinários   Catequina   Metaloproteinases da matriz   Técnicas in vitro

Resumo

O objetivo desse estudo in vitro será avaliar o efeito da incorporação de um inibidor de metaloproteinases (MMP), a solução de epigalocatequina galato (EGCG), em sistema adesivo convencional na resistência flexural (RF) e durabilidade de união à dentina afetada por cárie, por meio de ensaio de microtração (MT). Para o teste de MT, quarenta fragmentos de dentina humana serão submetidos a um protocolo microbiológico de indução de lesão de cárie. Após a remoção da dentina infectada, os espécimes de dentina afetada por cárie receberão tratamento com ácido fosfórico a 37% por 15 segundos e serão divididos em 4 grupos de acordo com o modo de aplicação da solução inibidora de MMP na dentina (n=10): EGCG-PRE - solução de EGCG (200¼g/mL) aplicada na forma de pré-tratamento dentinário; EGCG-INC - Solução de EGCG incorporada em uma proporção de 200¼g/mL ao sistema adesivo convencional; CLX-PRE - solução de digluconato de clorexidina 2% aplicada na forma de pré-tratamento dentinário (controle positivo); NT - Nenhum tratamento será realizado (controle negativo). O sistema adesivo (Adper Single Bond 2) será aplicado de acordo com instruções do fabricante e restaurações de resina composta serão realizadas sobre a dentina. Os blocos de resina-dentina serão seccionados em 8 espécimes, de 0,8 mm2, por dente, que serão novamente divididos em dois grupos de acordo com o momento do teste de MT: 24 horas e seis meses após a restauração. Para o teste de RF, serão confeccionados corpos de prova em forma de barra (7mm x 2mm x 1mm - comprimento x largura x espessura), com o sistema adesivo convencional de dois passos, contendo ou não a solução de EGCG (200¼g/mL). Ambos os testes de MT e RF serão realizados em máquina universal de ensaios, com velocidade de 0,5 mm/min. Os resultados serão analisados estatisticamente quanto a sua distribuição. Se esta for normal e homogênea, serão realizados testes paramétricos; caso contrário, serão realizados testes não-paramétricos. O nível de significância adotado será de 5%.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CZECH, R.; OLIVEIRA, C. A. R.; FRANCA, F. M. G.; BASTING, R. T.; TURSSI, C. P.; AMARAL, F. L. B. Incorporation of EGCG into an etch-and-rinse adhesive system: mechanical properties and bond strength to caries affected dentin. JOURNAL OF ADHESION SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 33, n. 22 JULY 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.