Busca avançada
Ano de início
Entree

Composição química da carne ovina submetida a diferentes métodos de secagem

Processo: 14/11660-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2015
Vigência (Término): 31 de maio de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Produção Animal
Pesquisador responsável:Rafael Silvio Bonilha Pinheiro
Beneficiário:Richard Roberto Lobo
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira , SP, Brasil
Assunto(s):Qualidade da carne   Liofilizador   Bromatologia   Composição química   Secagem   Confinamento animal   Delineamento experimental

Resumo

O trabalho será desenvolvido no Laboratório de Tecnologia dos Produtos de Origem Animal da Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira - FEIS/Unesp. No experimento serão utilizados 36 músculos Longissimus dorsi de cordeiros não castrados ½ Dorper ½ Santa Inês, terminados em confinamento com dieta contendo relação volumoso concentrado de 60:40. Quando os cordeiros atingiram aproximadamente 32 kg de peso corporal, os mesmos foram abatidos, onde no manejo pré-abate, os animais foram mantidos em jejum de dieta sólida por aproximadamente 16 horas e posteriormente insensibilizados, seguidos da secção das veias jugulares e as artérias carótidas para sangria. Após a retirada da pele, evisceração e retirada dos membros, as carcaças foram transferidas para câmara frigorífica a 4°C por 24 horas. Posteriormente, as carcaças foram divididas longitudinalmente em duas partes, sendo retirada das carcaças os músculos Longissimus dorsi os quais foram congelados. Os músculos serão moídos, sendo 18 amostras liofilizadas por 72 horas e 18 amostras secas em estufa de ventilação forçada de ar, regulada a 60 - 65°C, durante 72 horas e posteriormente será realizada a análise de proteína, extrato etéreo, umidade, cinzas e carboidratos. O delineamento experimental será inteiramente casualizado com 2 tratamentos (método de secagem da carne liofilizado ou em estufa) e 18 repetições por tratamento.