Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do hidroxietilamido de terceira geração (Tetrastarch) em relação ao Ringer Lactato como fluido de reposição em animais sadios submetidos à hemodiluição normovolêmica aguda

Processo: 15/04810-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2015
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Clínica e Cirurgia Animal
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Francisco José Teixeira Neto
Beneficiário:Miriely Steim Diniz
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Anestesiologia veterinária   Hemostasia   Hemodiluição

Resumo

Objetiva-se comparar o Tetrastarch com o Ringer Lactato em cães submetidos e hemodiluição normovolêmica aguda (HNA) visando reduzir o hematócrito para 30%. A hipótese principal é que o Tetrastarch resultaria em hemodinâmica superior ao Ringer Lactato, valores mais elevados de pressão coloidosmótica e menor acúmulo de água extravalular pulmonar, sem interferir negativamente com a resposta inflamatória sistêmica, hemostasia, e função renal. Serão empregados 8 cães adultos anestesiados com isoflurano (1,3 CAM) sob ventilação mecânica anestesiados em 3 ocasiões distintas, com intervalo de 60 dias entre procedimentos. Durante cada procedimento anestésico os animais receberão 1 de 3 tratamentos em um delineamento aleatório cruzado: Controle (sem intervenção), Tetrastarch (HNA com administração de Tetrastarch na proporção de 1:1), Ringer Lactato (HNA com administração de Ringer Lactato na proporção de 5:1). O hematócrito será monitorado durante o intervalo de "washout" entre os experimentos para se garantir a sua normalização em cada animal antes de novo procedimento de HNA. As variáveis (hemodinâmica, pressão coloidosmótica, hemostasia e função renal) serão monitoradas no momento BASAL (antes da HNA) e durante 4 horas do término HNA. Os animais serão recuperados da anestesia ao final de 4 horas pós-HNA. Mensurações adicionais de creatinina e de marcadores de lesão tubular renal / mediadores inflamatórios serão realizadas após 24 e 72 horas do término da HNA para verificar a possibilidade de lesão renal tardia e/ou inflamação associada ao Tetrastarch em relação aos outros tratamentos. Há ainda muitos pontos controversos com relação ao uso do Tetrastarch no período perioperatório. Apesar deste colóide ser provavelmente superior ao Ringer Lactato no que se refere à hemodinâmica, manutenção da pressão coloidosmótica e risco de edema pulmonar; o seu emprego pode comprometer a função renal em pacientes sépticos. Espera-se com este estudo contribuir para a melhor compreensão das potencialidades do Tetrastarch como fluido de reposição volêmica durante a HNA em pacientes não sépticos. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DINIZ, MIRIELY S.; TEIXEIRA-NETO, FRANCISCO J.; GONCALVES, DANIELE S.; CELEITA-RODRIGUEZ, NATHALIA; GIROTTO, CAROLINA H.; FONSECA, MARIANA W.; TAKAHIRA, REGINA K. Effects of 6% tetrastarch or lactated Ringer's solution on blood coagulation in hemorrhaged dogs. JOURNAL OF VETERINARY INTERNAL MEDICINE, v. 32, n. 6, p. 1927-1933, NOV-DEC 2018. Citações Web of Science: 1.
DINIZ, M. S.; TEIXEIRA-NETO, F. J.; CELEITA-RODRIGUEZ, N.; GIROTTO, C. H.; FONSECA, M. W.; OLIVEIRA-GARCIA, A. C.; LOPEZ-CASTANEDA, B. Effects of 6% Tetrastarch and Lactated Ringer's Solution on Extravascular Lung Water and Markers of Acute Renal Injury in Hemorrhaged, Isoflurane-Anesthetized Healthy Dogs. JOURNAL OF VETERINARY INTERNAL MEDICINE, v. 32, n. 2, p. 712-721, MAR-APR 2018. Citações Web of Science: 3.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.