Busca avançada
Ano de início
Entree

Arte e transgressão em Edgar Wind: um estudo sobre a armadura conceitual e recepção de Art and Anarchy (1963)

Processo: 14/21783-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2015
Vigência (Término): 01 de setembro de 2017
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Fundamentos e Crítica das Artes
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Luiz Cesar Marques Filho
Beneficiário:Ianick Takaes de Oliveira
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):16/10463-6 - As Reith Lectures de 1960 e a escrita de Art and Anarchy (1963) por Edgar Wind, BE.EP.MS
Assunto(s):Arte moderna   Crítica de arte   Estética (arte)

Resumo

Este projeto tem por objeto a obra Art and Anarchy, publicada em 1963 com reedição com adendos em 1969, da autoria de Edgar Wind (1900-1971), historiador da arte alemão radicado nos Estados Unidos e posteriormente no Reino Unido, cuja obra e docência mantêm diversas intersecções com a reflexão filosófica e cuja carreira é indissociavelmente ligada ao Instituto Warburg. O livro, resultado de um ciclo de seis palestras de 30 minutos realizadas por radiodifusão pela BBC em 1960, nas anuais Reith Lectures, trata da relação entre a arte e as forças anárquicas da imaginação humana, buscando analisar criticamente as diversas causas e configurações do pensamento artístico moderno. A obra oferece uma rara oportunidade de se conhecer e analisar os pontos de vista acerca da arte do século XX de parte de um historiador da arte que se notabilizou, sobretudo, por suas pesquisas sobre a arte do Renascimento italiano e sobre o retrato inglês do século XVIII. Tal abertura é, com efeito, inexistente ou pouco recorrente entre os estudiosos de sua geração que se ocuparam de questões atinentes à Tradição Clássica. Trata-se aqui de acompanhar e interpretar os sentidos atribuídos pelo autor às fraturas históricas imensas que intercorrem entre a tradição artística e a turbulenta década de 1960 na qual se situam suas intervenções sobre o problema histórico e estético da criatividade artística. A pesquisa proposta compõe-se das seguintes dimensões: a. Em sua versão publicada, estas conferências são enriquecidas pelo próprio autor por notas muito abundantes e extensas que funcionam como um verdadeiro comentário paralelo ao texto oral, ou mesmo como longos excursos com valor intelectual autônomo em relação ao texto que lhes serve de pretexto. Dadas essas características, nosso trabalho será de apresentar um comentário, ao mesmo tempo, ao texto e às notas do autor. Nosso comentário terá por objetivo (1) analisar o impacto e a recepção da obra; (2) explicitar para o leitor de língua portuguesa as numerosas referências implícitas do texto e (3) elaborar um comentário de segundo grau, objetivando uma reflexão crítica sobre seus enunciados e seus pressupostos teóricos, bem como sobre o contexto histórico que os suscita e condiciona; b. Um segundo propósito de nosso trabalho é propor uma Introdução a essas conferências. Nela, tratar-se-á de situar as análises de Art and Anarchy no âmbito das obras anteriores de Wind, de modo a avaliar em que medida essas conferências dialogam com as linhas mestras de seu pensamento ou oferecem, ao contrário, uma incursão tardia e relativamente isolada em sua biografia intelectual. c. Anexa à Dissertação, será proposta uma tradução que virá, em seguida, a ser publicada, juntamente com nosso comentário, na coleção Palavra da Arte da Editora da Unicamp. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.