Busca avançada
Ano de início
Entree

Níveis sanguíneos de chumbo elevados em pré-escolares: investigação das concentrações do metal em possíveis fontes de exposição

Processo: 15/01395-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Kelly Polido Kaneshiro Olympio
Beneficiário:Júlia Prestes da Rocha Silva
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Crianças   Chumbo   Saúde da criança

Resumo

O chumbo (Pb) é amplamente conhecido por ser um metal onipresente e altamente tóxico à saúde humana. No Brasil, há poucos dados sobre a extensão da contaminação por Pb na população geral, principalmente na população mais vulnerável composta por crianças em idade pré-escolar. Em estudo realizado anteriormente e financiado pela FAPESP (Processos 2011/13076-0, 2011/23272-0 e 2012/21840-4), foi realizada a coleta de sangue venoso de 2397 crianças frequentadoras de 50 Centros de Educação Infantil (CEIs) do município de São Paulo. Estas amostras de sangue foram analisadas e os resultados foram processados. Os resultados apontaram uma média geométrica de chumbo no sangue de 2,16 µg/dL (IC 95%: 2,10 - 2,22 µg/dL) e percentil 97,5 de 13,9 µg/dL (IC 95%: 10,0 - 17,3 µg/dL). Estes resultados representam quase o dobro da média geométrica encontrada nos Estados Unidos e quase o triplo do valor de referência indicado pelos Centers for Disease Control and Prevention (Percentil 97,5 = 5 µg/dL). Para que haja uma continuidade da pesquisa acima mencionada, o presente estudo pretende analisar quais são as principais fontes de exposição de crianças a chumbo, considerando os ambientes domiciliares e dos CEIs, através de análise direta de supostas fontes por fluorescência de Raios-X. Tais resultados serão comparados entre dois grupos: Alta exposição (e 13,9 µg/dL, percentil 97,5 encontrado em pesquisa anterior) e Baixa exposição (< 5 µg/dL). Estatísticas descritiva, testes de correlação e análise de regressão múltipla serão aplicados aos dados.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LEROUX, ISABELLE NOGUEIRA; SACONE DA SILVA FERREIRA, ANA PAULA; DA ROCHA SILVA, JULIA PRESTES; BEZERRA, FLAVIO FERREIRA; DA SILVA, FABIO FERREIRA; SALLES, FERNANDA JUNQUEIRA; LUZ, MACIEL SANTOS; DE ASSUNCAO, NILSON ANTONIO; ALVES CARDOSO, MARIA REGINA; KANESHIRO OLYMPIO, KELLY POLIDO. Lead exposure from households and school settings: influence of diet on blood lead levels. Environmental Science and Pollution Research, v. 25, n. 31, SI, p. 31535-31542, NOV 2018. Citações Web of Science: 1.
DA ROCHA SILVA, JULIA PRESTES; SALLES, FERNANDA JUNQUEIRA; LEROUX, ISABELLE NOGUEIRA; SACONE DA SILVA FERREIRA, ANA PAULA; DA SILVA, AGNES SOARES; ASSUNCAO, NILSON ANTONIO; NARDOCCI, ADELAIDE CASSIA; SAYURI SATO, ANA PAULA; BARBOSA, JR., FERNANDO; ALVES CARDOSO, MARIA REGINA; KANESHIRO OLYMPIO, KELLY POLIDO. High blood lead levels are associated with lead concentrations in households and day care centers attended by Brazilian preschool children. Environmental Pollution, v. 239, p. 681-688, AUG 2018. Citações Web of Science: 4.
LEROUX, ISABELLE NOGUEIRA; DA SILVA FERREIRA, ANA PAULA SACONE; PANIZ, FERNANDA POLLO; PEDRON, TATIANA; SALLES, FERNANDA JUNQUEIRA; DA SILVA, FABIO FERREIRA; MALTEZ, HELOISA FRANCA; BATISTA, BRUNO LEMOS; KANESHIRO OLYMPIO, KELLY POLIDO. Lead, Cadmium, and Arsenic Bioaccessibility of 24 h Duplicate Diet Ingested by Preschool Children Attending Day Care Centers in Brazil. INTERNATIONAL JOURNAL OF ENVIRONMENTAL RESEARCH AND PUBLIC HEALTH, v. 15, n. 8 AUG 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.