Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do hidróxido de cálcio sobre a diferenciação in vitro de células de papila apical ativadas por LTA

Processo: 15/09750-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2015
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Carla Renata Sipert
Beneficiário:Juliana Garuba Rahhal
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Diferenciação celular   Biologia celular   Mediadores da inflamação

Resumo

O tratamento de dentes com ápice incompleto constitui um dos grandes desafios da Endodontia atual. O estudo do efeito de medicações intracanal sobre células da papila apical tem recebido atenção especial nesta área do conhecimento ao longo dos últimos anos. Entretanto, poucos estudos têm considerado a ativação prévia destas células por subprodutos bacterianos em relação à sobrevivência e capacidade de diferenciação. Sendo assim, este projeto tem como objetivo investigar a citotoxicidade e a diferenciação osteo/odontogênica de células de papila apical humana em cultura sob contato com hidróxido de cálcio após ativação prévia. Culturas primárias de células de papila apical (n = 3) serão estabelecidas a partir de técnica de explant. Parte das células será ativada com 1 µg/mL de ácido lipoteicóico (LTA) de Enterococcus faecalis por sete dias. As células serão distribuídas em placas de 96 ou 24 poços. A citotoxicidade de hidróxido de cálcio em concentrações crescentes será avaliada pelo método MTT para seleção da maior concentração incapaz de afetar a viabilidade celular após cinco dias. Células ativadas ou naïve serão mantidas em contato com hidróxido de cálcio na concentração selecionada por cinco dias e então submetidas à diferenciação odontogênica por 14 e 28 dias. A diferenciação celular será avaliada por meio da detecção de deposição de cálcio por Vermelho de alizarina S e da expressão gênica de proteína de matriz dentinária-1, sialofosfoproteína de dentina e osteocalcina por meio de transcrição reversa seguida de reação em cadeia da polimerase quantitativa (RT-qPCR). Os dados serão analisados por meio de análise de variância a um critério adotando-se como significativos valores de p < 0,05.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RAHHAL, JULIANA GARUBA; ROVAI, EMANUEL DA SILVA; HOLZHAUSEN, MARINELLA; CALDEIRA, CELSO LUIZ; DOS SANTOS, CARLOS FERREIRA; SIPERT, CARLA RENATA. Root canal dressings for revascularization influence in vitro mineralization of apical papilla cells. Journal of Applied Oral Science, v. 27, 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.