Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicabilidade do parileno no tratamento das lesões osteocondrais

Processo: 15/08952-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:Carlos Eduardo da Silveira Franciozi
Beneficiário:Carlos Eduardo da Silveira Franciozi
Anfitrião: James Eugene Tibone
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Southern California (USC), Estados Unidos  
Assunto(s):Biomecânica   Biomateriais poliméricos   Fraturas de cartilagem   Fibrocartilagem   Traumatismos do joelho   Joelho

Resumo

As lesões de cartilagem, devido à natureza avascular e hipocelular deste tecido, possuem um baixo potencial de cicatrização. Consequentemente, tendem a ser sintomáticas e evoluir com a degeneração da articulação levando em último caso ao desenvolvimento da artrose. Apesar dos diversos tratamentos cirúrgicos existentes para as lesões condrais, não existe um padrão ouro, sendo comum a degeneração dos resultados ao longo do tempo e a formação de tecido fibrocartilaginoso com propriedades biomecânicas inferiores à cartilagem articular normal. Desde a segunda geração do transplante autólogo de condrócitos, o desenvolvimento de scaffolds para tratamento das lesões condrais e osteocondrais sofreu um rápido crescimento ganhando importância e popularidade representados pelo surgimento de uma miríade de materiais e técnicas. Procedimentos regenerativos baseados em scaffolds são interessantes pois o scaffold propicia uma estrutura tridimensional que mimetiza a estrutura organizacional da cartilagem permitindo o crescimento de células vivas. O parileno-C é um polímero biocompatível aprovado para implantação crônica no corpo humano. Com espessura submicrométrica, obtida através de uma maneira específica de produção, foi demonstrado que está membrana permite a difusão de macromoléculas e nutrientes. Este polímero parece ser uma boa opção para o tratamento de lesões condrais. Sessenta joelhos de 30 coelhos serão operados e submetidos a quatro grupos de tratamento: Grupo N - controle com reparação espontânea. Grupo P - scaffold de parileno. Grupo CP - scaffold de parileno e cartilagem autóloga picada. Grupo C - cartilagem autóloga picada. Os resultados serão avaliados histologicamnete analisando-se a biocompatibilidade, a presença de debris, a integração osteocondral do scaffold, a qualidade do tecido de reparação pela escala de O'Driscoll e o efeito do parileno na cartilagem articular oposta. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE CARVALHO, ROGERIO TEIXEIRA; FRANCIOZI, CARLOS EDUARDO; ITAMI, YASUO; MCGARRY, MICHELLE H.; MCNEILL INGHAM, SHEILA JEAN; ABDALLA, RENE JORGE; TIBONE, JAMES EUGENE; LEE, THAY Q. Bicruciate lesion biomechanics, Part 1-Diagnosis: translations over 15 mm at 90 degrees of knee flexion are indicative of a complete tear. KNEE SURGERY SPORTS TRAUMATOLOGY ARTHROSCOPY, v. 27, n. 9, p. 2927-2935, SEP 2019. Citações Web of Science: 0.
FRANCIOZI, CARLOS EDUARDO; DE CARVALHO, ROGERIO TEIXEIRA; ITAMI, YASUO; MCGARRY, MICHELLE H.; MCNEILL INGHAM, SHEILA JEAN; ABDALLA, RENE JORGE; TIBONE, JAMES EUGENE; LEE, THAY Q. Bicruciate lesion biomechanics, Part 2-treatment using a simultaneous tensioning protocol: ACL fixation first is better than PCL fixation first to restore tibiofemoral orientation. KNEE SURGERY SPORTS TRAUMATOLOGY ARTHROSCOPY, v. 27, n. 9, p. 2936-2944, SEP 2019. Citações Web of Science: 1.
DA SILVEIRA FRANCIOZI, CARLOS EDUARDO; VANGSNESS, JR., CARLETON THOMAS; MARTINEZ, JUAN CARLOS; RODGER, DAMIEN; CHOU, TZU-CHIEH; TAI, YU-CHONG; BRANT, RODRIGO; WU, LING; ABDALLA, RENE JORGE; HAN, BO; EVSEENKO, DENIS; HUMAYUN, MARK. Parylene scaffold for cartilage lesion. BIOMEDICAL MICRODEVICES, v. 19, n. 2 JUN 2017. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.