Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do efeito de uma nova bebida esportiva contendo probiótico, isolado proteico do soro de leite e polpa de Roma (Punica granatum l.) no desempenho, resposta imune e microbiota

Processo: 15/13972-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 30 de junho de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Tecnologia de Alimentos
Pesquisador responsável:Adriane Elisabete Antunes de Moraes
Beneficiário:Fabiola de Lima Pena
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Limeira , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/07299-7 - Avaliação do efeito de uma nova bebida esportiva contendo probiótico, isolado protéico do soro de leite e polpa de romã (Punica granatum L.) no desempenho, resposta imune e microbiota, AP.R
Assunto(s):Desenvolvimento de produtos   Probióticos   Microbiota   Antioxidantes   Soro do leite

Resumo

Diversas estratégias têm sido empregadas para melhora do desempenho esportivo, sendo que algumas destas apresentam riscos à saúde. A suplementação da dieta de esportistas com proteínas do soro do leite é uma prática segura e eficaz devido à elevada concentração de aminoácidos de cadeia ramificada destas proteínas as quais apresentam papel importante na estimulação da síntese proteica. O consumo regular de probióticos por esportistas pode conferir inúmeros benefícios destacando-se a ativação do sistema imune, que é de grande relevância pelo risco elevado, ao qual praticantes de atividades físicas estão sujeitos, de apresentarem depressão da função imune posteriormente às provas exaustivas. Fenólicos presentes na romã podem combater estresse oxidativo e melhorar a performance no exercício, como observado em estudo anterior deste grupo de pesquisa. O presente projeto propõe o desenvolvimento de leite fermentado desenhado para esportistas agregando benefícios do emprego de probiótico, isolado proteico do soro de leite (IPS) e polpa de romã (PR). O experimento será conduzido em forma de cascata, com as seguintes etapas: (A) escolha de uma entre 6 linhagens probióticas por avaliação de sua viabilidade na presença de 5% de adição de polpa de romã; (B) eleita a linhagem de melhor desempenho serão elaboradas formulações contando de 1 a 5% de polpa de romã avaliando-se atividade antioxidante, viabilidade da cultura probiótica e avaliação do desempenho esportivo, parâmetros imunológicos e microbiota de ratos Wistar suplementados com a bebida desenvolvida e submetidos à exercício agudo em esteira; (C) fixada a concentração ideal de polpa de romã pelos testes anteriores serão iniciadas avaliações com provadores por teste Escala do Ideal para determinar parâmetros sensoriais ideais do produto; (D) elaboração do produto final e acompanhamento da vida de prateleira durante o período de armazenamento refrigerado de 28 dias por parâmetros físico-químicos, microbiológicos e sensoriais.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CHAVES, FERNANDA M.; BAPTISTA, IGOR L.; SIMABUCO, FERNANDO M.; QUARESMA, PAULA G. F.; PENA, FABIOLA L.; BEZERRA, ROSANGELA M. N.; PAULI, JOSE R.; DA CUNHA, DIOGO T.; CAMPOS-FERRAZ, PATRICIA L.; ANTUNES, ADRIANE E. C. High-intensity-exercise-induced intestinal damage is protected by fermented milk supplemented with whey protein, probiotic and pomegranate (Punica granatum L.). BRITISH JOURNAL OF NUTRITION, v. 119, n. 8, p. 896-909, APR 28 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.