Busca avançada
Ano de início
Entree

Estratégias comportamentais em múltiplas discriminações temporais em ratos

Processo: 14/22918-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 30 de setembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Psicologia Experimental
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Marcelo Salvador Caetano
Beneficiário:Estela Braga Nepomoceno
Instituição-sede: Centro de Matemática, Computação e Cognição (CMCC). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Assunto(s):Condicionamento operante   Comportamento animal

Resumo

Quando treinados em um esquema de reforço de múltiplos intervalos fixos, ratos aprendem a discriminar diferentes intervalos temporais sinalizados por diferentes estímulos ambientais. Com muitas sessões de treino, os diferentes estímulos geralmente assumem controle sobre o comportamento dos animais. Este fenômeno é ilustrado por um aumento na taxa de respostas mais cedo no intervalo quando o estímulo apresentado é aquele que sinaliza o intervalo mais curto comparado à apresentação do estímulo pareado a um intervalo mais longo. A ordem de treino dos diferentes pares de estímulos-intervalos - misturados entre tentativas ou em blocos de várias tentativas - é um fator importante para determinar a estratégia adotada pelos ratos para a realização das discriminações temporais, apesar de apresentarem performances similares ao final do treino independentemente da ordem treinada. Quando treinados com tentativas misturadas, os estímulos assumem o controle sobre o comportamento de discriminação temporal; quando treinados em blocos de várias dezenas de tentativas sendo um bloco por dia de treino, os estímulos não assumem controle sobre o comportamento de discriminação temporal e os ratos ajustam suas performances tentativa por tentativa. O presente projeto de pesquisa visa descrever as condições de treino sob as quais os estímulos assumem controle sobre o comportamento dos ratos. As variáveis manipuladas serão o número de pares de estímulos e intervalos treinados (Experimento I), o tamanho do bloco de tentativas repetidas (Experimento II) e a dificuldade da discriminação entre diferentes estímulos sinalizadores dos intervalos (Experimento III). Como aqueles resultados com ratos foram também observados e expandidos em estudos com participantes humanos, os resultados deste projeto têm relevância no entendimento de estratégias de aprendizagem que podem ser aplicadas ao comportamento humano. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NEPOMOCENO, ESTELA B.; CRAVO, ANDRE M.; REYES, MARCELO B.; CAETANO, MARCELO S. Temporal regularity and stimulus control in multiple fixed interval schedules. Behavioural Processes, v. 171, FEB 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.