Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da conectividade funcional através da caracterização do movimento da espécie Heliconius erato

Processo: 15/08211-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Ricardo Ribeiro Rodrigues
Beneficiário:Julia de Lima Pinheiro
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/50718-5 - Restauração ecológica de florestas ciliares, de florestas nativas de produção econômica e de fragmentos florestais degradados (em APP e RL), com base na ecologia de restauração de ecossistemas de referência, visando testar cientificamente os preceitos do Novo Código Florestal Brasileiro, AP.BTA.TEM
Assunto(s):Ecologia da paisagem   Lepidoptera   Fragmentos florestais   Conectividade (ecologia)

Resumo

A influência antrópica em habitats naturais pode causar perda e fragmentação florestal. Esse processo altera a quantidade de espécies, comprometendo a conservação biológica. Os efeitos da fragmentação dependem, dentre outras características, da conectividade entre os remanescentes. A conectividade funcional depende de como um organismo percebe e responde à estrutura da paisagem. Entender os fatores que determinam a qualidade da matriz para os organismos e entender o movimento animal são etapas essenciais para guiar iniciativas de conservação em paisagens fragmentadas e as borboletas são indicadas para o monitoramento ambiental. Assim, a partir da caracterização do movimento de indivíduos da espécie de borboletas Heliconius erato, será possível inferir a respeito da sua capacidade de dispersão e analisar a conectividade funcional. O estudo será realizado na porção norte do município de Batatais, no interior do estado de São Paulo. Será realizada a translocação de indivíduos selvagens e criados em laboratório para a matriz a diferentes distâncias em relação a floresta e observados o tempo e a tortuosidade do seu caminho de retorno para a floresta. A tortuosidade dos trajetos será avaliada através da análise de Passos Aleatórios Correlacionados. Para relacionar esse índice com a distância à floresta serão utilizados modelos lineares generalizados com diferentes distribuições de probabilidade. Esses modelos serão comparados perante uma perspectiva de seleção de modelos utilizando-se o Critério de Informação de Akaike. A taxa de retorno dos indivíduos translocados ao fragmento em função da distância será avaliada pela análise de sobrevivência de Cox. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
JULIA DE LIMA PINHEIRO. Análise da conectividade funcional através da caracterização do movimento de Heliconius erato. 2017. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Piracicaba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.