Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do desempenho de biorreatores anaeróbios de leito fixo ordenado e empacotado para remoção dos antibióticos sulfametoxazol e ciprofloxacina

Processo: 15/04427-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Marcelo Zaiat
Beneficiário:Rodrigo Braz Carneiro
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):17/13066-0 - Influência da atividade hidrolítica e acidogênica na biotransformação anaeróbia de micropoluentes orgânicos, BE.EP.DR
Assunto(s):Sulfametoxazol   Ciprofloxacino   Reatores anaeróbios   Biodegradação   Monitoramento ambiental

Resumo

A ocorrência, o destino e os potenciais impactos de antibióticos no ambiente têm atraído atenção de pesquisadores de todo o mundo nos últimos anos. Embora a concentração de antibióticos e seus metabólitos seja considerada baixa (da ordem de ng/L a µg/L) nos diversos compartimentos ambientais, eles são considerados contaminantes emergentes porque podem resultar no desenvolvimento e disseminação de genes de resistência em bactérias, o que a longo prazo resultará em impactos sobre o ecossistema, à saúde humana e até mesmo à economia, uma vez que esses compostos vão perdendo sua efetividade antimicrobiana. Dentre os antibióticos, o Sulfametoxazol (da classe das sulfonamidas) e a Ciprofloxacina (da classe das fluoroquinolonas) estão entre os mais frequentemente detectados nas diversas matrizes ambientais e são usados tanto na medicina humana quanto na veterinária. Atualmente os estudos de comportamento e degradação de antibióticos estão concentrados mais em processos físico-químicos avançados (ozonização, adsorção em carvão ativado, troca iônica, filtração em membranas, processos oxidativos avançados) e biológicos aeróbios (Lodos Ativados e reatores com membranas - MBR), sendo que ainda há poucos estudos enfocando processos anaeróbios para biodegradação desses compostos. Diante disso, esse trabalho busca avaliar o comportamento de reatores anaeróbios de leito fixo - ordenado e empacotado - na remoção / biodegradação de Sulfametoxazol e Ciprofloxacina, servindo de base para comparação com outras configurações de reatores anaeróbios como UASB (reator de manta de lodo e escoamento ascendente) e RAHLF (reator anaeróbio horizontal de leito fixo), e também com os sistemas aeróbios vigentes. Além disso, espera-se detectar e quantificar os possíveis metabólitos formados, bem como obter parâmetros cinéticos de degradação e realizar ensaios ecotoxicológicos com os fármacos supracitados. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARNEIRO, RODRIGO B.; SABATINI, CAROLINA A.; SANTOS-NETO, ALVARO J.; ZAIAT, MARCELO. Feasibility of anaerobic packed and structured-bed reactors for sulfamethoxazole and ciprofloxacin removal from domestic sewage. Science of The Total Environment, v. 678, p. 419-429, AUG 15 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.