Busca avançada
Ano de início
Entree

Filogenia, revisão taxonômica, evolução floral e biogeografia de Tanaecium Sw. (Bignonieae, Bignoniaceae)

Processo: 15/10914-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2015
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica
Pesquisador responsável:Lúcia Garcez Lohmann
Beneficiário:Annelise Frazão Nunes
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/50260-6 - Estruturação e evolução da biota amazônica e seu ambiente: uma abordagem integrativa, AP.BTA.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):18/11110-5 - Monografia de Tanaecium Sw. emend L.G. Lohmann (Bignonieae, Bignoniaceae), BE.EP.DR
Assunto(s):Sequenciamento de nova geração   Filogenia molecular

Resumo

Compreender os mecanismos associados a origem da alta diversidade de espécies observada em diversas regiões do planeta, principalmente nas regiões tropicais, representa uma questão chave para a biologia evolutiva. Na região Neotropical, especificamente, está cada vez mais claro que a origem da alta diversidade de espécies está associada a uma história evolutiva complexa dos organismos existentes nesta região, com fatores ecológicos e históricos tendo papéis importantes para a diversificação da biota. Estudos com abordagens integrativas envolvendo várias áreas do conhecimento e uma ampla gama de organismos no tempo e espaço são imprescindíveis para uma melhor compreensão dos processos associados a origem da alta diversidade observada nesta região. Neste estudo, focamos em Tanaecium, um gênero morfologicamente diverso, amplamente distribuído pela região neotropical e centrado na Amazônia. Nós usamos Tanaecium como modelo para testar hipóteses associadas aos mecanismos que levaram a alta diversidade de espécies nessa região. Inicialmente, reconstruiremos a filogenia de Tanaecium utilizando uma ampla amostragem dentro do gênero (i.e., vários indivíduos por espécie). A filogenia de Tanaecium será então utilizada como base para: (i) testar o monofiletismo e identificar sinapomorfias morfológicas das espécies de Tanaecium, os quais servirão para apoiar decisões taxonômicas associadas à monografia do gênero; (ii) estudar o padrão de evolução floral no grupo; e (iii) reconstruir a história biogeográfica de Tanaecium. Os resultados provenientes do estudo biogeográfico serão analisados à luz de dados existentes para outros organismos Amazônicos, visando estabelecer um panorama mais abrangente sobre a evolução da biota nesta região. Este estudo está inserido em um projeto mais amplo coordenado pela Dra. Lúcia G. Lohmann, que visa compreender a evolução e estruturação da biota amazônica como um todo.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FRAZAO, ANNELISE; LOHMANN, LUCIA G. A new species of Tanaecium (Bignonieae, Bignoniaceae) from the Brazilian Amazon and its phylogenetic placement. PLANT SYSTEMATICS AND EVOLUTION, v. 304, n. 10, p. 1245-1253, DEC 2018. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.