Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da cobertura do dossel por lianas no crescimento, recrutamento e mortalidade de plântulas em um fragmento de Floresta estacional semidecídua

Processo: 15/07053-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2015
Vigência (Término): 31 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia
Pesquisador responsável:Valéria Forni Martins
Beneficiário:Fernando Ricardo Salgado Araújo
Instituição-sede: Centro de Ciências Agrárias (CCA). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Araras , SP, Brasil
Assunto(s):Ecologia vegetal   Manejo florestal   Indução assimétrica   Plântulas   Demografia   Floresta estacional semidecidual   Análise de regressão e de correlação   Mata Atlântica

Resumo

Lianas hiperabundantes podem diminuir a regeneração em ambientes florestais degradados por alterarem importantes taxas demográficas de plântulas. Devido à competição, as lianas diminuem as taxas de crescimento e recrutamento, e aumentam a mortalidade das plântulas de espécies arbóreas. Porém, as taxas demográficas também podem ser influenciadas negativamente pela competição entre plântulas e pela competição assimétrica com indivíduos arbóreos grandes. O objetivo deste trabalho é determinar o efeito do grau de cobertura do dossel por lianas nas taxas demográficas de plântulas de espécies arbóreas em um fragmento degradado de Floresta Estacional Semidecídua no interior do estado de São Paulo. Para determinarmos os efeitos exclusivos das lianas, também avaliaremos a influência da competição entre plântulas e da competição assimétrica sobre as taxas demográficas. As taxas de crescimento e recrutamento devem diminuir, e as taxas de mortalidade devem aumentar conforme a densidade de plântulas e de adultos aumentar, bem como conforme a distância das plântulas até um indivíduo arbóreo adulto diminuir. Excluindo-se esses efeitos, esperamos evidenciar impactos negativos sobre as taxas demográficas conforme o grau de cobertura do dossel por lianas aumentar. Compararemos as taxas demográficas entre diferentes graus de cobertura do dossel por lianas com uma ANOVA. Faremos uma análise de regressão múltipla para avaliar como cada taxa demográfica se relaciona com a densidade de plântulas, a distância da árvore mais próxima e a densidade de árvores.