Busca avançada
Ano de início
Entree

Preparação de amostras para microscopia eletrônica de transmissão

Processo: 15/18275-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de setembro de 2015
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Telecomunicações
Pesquisador responsável:Eunezio Antonio de Souza
Beneficiário:Vanessa Neiva de Ataide
Instituição-sede: Centro de Pesquisas Avançadas em Grafeno, Nanomateriais e Nanotecnologia (MackGrafe). Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). Instituto Presbiteriano Mackenzie. São Paulo, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/50259-8 - Grafeno: fotônica e opto-eletrônica: colaboração UPM-NUS, AP.SPEC
Assunto(s):Fibra óptica   Fotônica   Grafenos   Microscopia eletrônica de transmissão

Resumo

Tanto o grafeno quanto o óxido de grafeno (GO) apresentam uma alta transparência aos elétrons devido a seu baixo número atômico e sua natureza bidimensional. Como consequência, ambos possuem uma grande aplicabilidade na microscopia eletrônica de transmissão (TEM), não só como objetos de investigação, mas também como filmes de suporte quase perfeitos para outras nano partículas e para macromoléculas. Especialmente o GO, que apresenta uma maior facilidade de síntese, tem se mostrado como um filme ultrafino de suporte extremamente eficiente para TEM, permanecendo estável na interação com o feixe de elétrons, produzindo fundo de baixa intensidade, tanto no modo de imagem quanto no modo de difração, e servindo como padrão de calibração.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.