Busca avançada
Ano de início
Entree

Scaffolds bioativos de poli(butileno adipato-co-tereftalato) para aplicações biomédicas: estudo in vitro

Processo: 15/07904-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2015
Vigência (Término): 30 de setembro de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia
Pesquisador responsável:Luana Marotta Reis de Vasconcellos
Beneficiário:Giovanna Bignoto Minhoto
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/17877-7 - Desenvolvimento de novos scaffolds poliméricos por eletrofiação com incorporação de nanotubos alinhados e nanohidroxiapatita para regeneração óssea, AP.JP
Assunto(s):Nanotubos de carbono   Histologia oral   Hidroxiapatita   Eletrofiação

Resumo

Scaffolds biodegradáveis têm apresentado amplo potencial para auxiliar na engenharia de tecidos. A combinação de fatores como a distribuição das nanofibras e a incorporação de nanopartículas, que possam guiar e acelerar as células ósseas, visa otimizar o processo de reparo ósseo. Neste estudo serão produzidos scaffolds de PBAT incorporados com nanopartículas de nanotubos de carbono (CNTs) e nanohidroxiapatita (nHA), visando aplicabilidade ortopédica e odontológica. Os scaffolds serão produzidos pela técnica de eletrofiação e divididos em três grupos de acordo com sua composição: a) PBAT (controle); b) PBAT incorporado com nHA; c) PBAT incorporado com nHA e CNTs. Previamente ao estudo in vitro, todos os scaffolds serão caracterizados por microscopia eletrônica de varredura para observar a distribuição das nanofibras e também por meio do teste de molhabilidade. Finalmente, células da linhagem osteoblástica humana MG63, serão cultivadas sobre os scaffolds. Após períodos pré-determinados, serão realizados os testes de citotoxicidade (MTT), avaliação da adesão celular, quantificação dos nódulos de matriz mineralizada e também avaliação da morfologia celular por fluorescência direta. Todos os ensaios biológicos serão realizados em três experimentos biológicos independentes. Os dados serão estatisticamente analisados, inicialmente por meio do teste de normalidade visando a aplicação do teste estatístico adequado. O nível de significância adotado será o valor convencional de 5%. (AU)