Busca avançada
Ano de início
Entree

Padrões de evolução dos sinais acústicos no gênero de anuros neotropicais Adenomera (Anura, Leptodactylidae, Leptodactylinae)

Processo: 15/13404-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 17 de novembro de 2015
Vigência (Término): 14 de maio de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia
Pesquisador responsável:Ariovaldo Antonio Giaretta
Beneficiário:Thiago Ribeiro de Carvalho Tavares
Supervisor no Exterior: Marcos Gridi-Papp
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of the Pacific, Stockton, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:12/15763-7 - Evolução do canto de anúncio no gênero Leptodactylus (Anura, Leptodactylidae, Leptodactylinae), com aplicação taxonômica em populações e espécies do gênero, BP.DR
Assunto(s):Bioacústica

Resumo

O sinal acústico principal emitido por machos de espécies de anuros (canto de anúncio) transmite duas mensagens principais: receptividade sexual a fêmeas coespecíficas, e o anúncio da posição de um macho, auxiliando no espaçamento entre machos em vocalização, assim como afastar e intimidar machos coespecíficos competidores. Vocalizações (Bioacústica) representa uma base de dados com aplicabilidade potencial na detecção de padrões macroevolutivos, uma vez que é esperado que elas possuam um componente filogenético expressivo, que podem ser aplicadas diretamente como de caracteres em análises filogenéticas, ou como indicadores a posteriori da robustez de hipóteses filogenéticas. Tendências evolutivas de caracteres de uma dada amostragem de táxons podem ser identificadas através de Métodos Comparativos Filogenéticos (MCFs). Os caracteres podem incluir dados tanto ambientais quanto fenotípicos. O gênero Neotropical Adenomera atualmente contém 18 espécies reconhecidas, distribuídas ao longo da América do Sul a leste dos Andes; todas as espécies têm pelo menos uma descrição acústica formal disponível. Vários estudos revisaram e discutiram a definição e posição filogenética de Adenomera, assim como as inter-relações de suas espécies. Nossa proposta é realizar uma análise acústica detalhada dos cantos de anúncios do gênero Neotropical de anuros Adenomera, procurando por sinal filogenético, e associações ou correlações com as diferenças pré-existentes observadas nas suas características do canto sob uma abordagem comparativa (MCFs) com base na hipótese filogenética disponível para esse grupo de anuros. Nós utilizaremos dessa abordagem para uma exploração dos padrões de evolução dos sinais acústicos nesse grupo taxonômico. Além disso, nós pretendemos responder à seguinte pergunta: caracteres acústicos diferentes evoluem a taxas similares, ou caracteres mais intimamente relacionados à morfologia (parâmetros espectrais) são mais conservados que os mais intimamente relacionados ao comportamento (e.g. variação nas taxas de emissão devido à excitação individual diferencial) e fisiologia (e.g. efeitos da temperatura em parâmetros temporais)?