Busca avançada
Ano de início
Entree

Revisão taxonômica e anatomia de Awaous tajasica (Liechtenstein, 1822) (Perciformes: Gobiidae)

Processo: 15/14323-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2015
Vigência (Término): 31 de outubro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:Flávio Alicino Bockmann
Beneficiário:João Pedro Trevisan dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Ictiologia   Morfologia animal   Anatomia animal   Peixes

Resumo

Atualmente, o gênero Awaous compreende 22 espécies válidas, muitas das quais presentes na região tropical. Awaous tajasica, de hábito anfídromo, originalmente descrita de forma muito sumária, é tida por ocorrer ao longo da costa oeste do Oceano Atlântico desde o estado da Flórida, nos Estados Unidos, até o estado de Santa Catarina, no Brasil. Essa ampla área de distribuição pode ser fruto da identificação incorreta da espécie ou resulta de uma grande capacidade de dispersão que essa espécie apresentaria. Apesar dessa grande capacidade dispersiva potencial, existiriam alguns obstáculos que dificultariam a migração das larvas, por exemplo, a direção e força das correntes marinhas. As investigações recentes sobre as variações morfológicas de A. tajasica dentro desta ampla área de distribuição são deficientes, sendo que duas espécies são tradicionalmente tratadas como seus sinônimos juniores. Fora isso, um estudo preliminar da morfologia externa de populações geograficamente distantes de A. tajasica expressa diferenças notáveis. Em vista desse cenário, o objetivo fundamental desse trabalho é diagnosticar A. tajasica, tendo por base uma investigação morfológica de espécimes de coleções científicas, contemplando toda sua variação geográfica. Como consequência, será estabelecida sua distribuição geográfica correta e serão eventualmente descritas outras formas erroneamente assinaladas à A. tajasica. Será também feito um estudo osteológico e miológico de A. tajasica, visando a encontrar caracteres diagnósticos e outros que tenham potencial informativo para análises filogenéticas futuras. (AU)