Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da melatonina na modulação dos miRNAs envolvidos na metástase do câncer de mama

Processo: 15/20096-8
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 25 de fevereiro de 2016
Vigência (Término): 24 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Pesquisador responsável:Debora Aparecida Pires de Campos Zuccari
Beneficiário:Lívia Carvalho Ferreira
Supervisor no Exterior: Daniela Taverna
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São José do Rio Preto , SP, Brasil
Local de pesquisa : Università degli Studi di Torino (UNITO), Itália  
Vinculado à bolsa:13/24612-5 - Efeito da melatonina na modulação dos miRNAs envolvidos na metástase do câncer de mama, BP.DR
Assunto(s):Melatonina   Oncologia experimental   Metástase   Neoplasias mamárias   MicroRNAs

Resumo

O câncer de mama é o tipo de tumor mais comum em mulheres, e a principal causa de morte desses pacientes é a progressão de tumores e metástases. microRNAs (miRNAs) são pequenas moléculas não codificantes de RNAm que desempenham um papel fundamental na regulação de genes. Estudos recentes têm mostrado que miRNAs estão diretamente envolvidos na iniciação e progressão de diversos tipos de tumor, incluindo câncer de mama. Vários miRNAs têm sido descritos como supressores ou promotores de metástases, e podem estar associados com o crescimento de tumores e metástase. A melatonina, uma hormônio produzido pela glândula pineal, apresenta efeitos oncostático e anti-metastático por reduzir a capacidade de migração e invasão em células tumorais. Além disso, um estudo recente demonstrou que a melatonina pode modular a expressão de miRNA no câncer de mama promovendo uma ação antiproliferativa. O objetivo deste estudo é avaliar o potencial valor terapêutico da melatonina na modulação miRNAs em câncer de mama, utilizando um estudo in vivo. Camundongos nude atímicos iráo receber injeção intravenosa de células tumorais de mama para o desenvolvimento de metástases no pulmão. A ação do miRNA candidato e os seu gene alvo será provada por meio de agentes que promovam o seu silenciamento ou superexpressão, associado ao tratamento com melatonina. Os resultados obtidos iráo determinar o potencial efeito da melatonina em miRNAs envolvidos na formação de metástases, impedindo o seu desenvolvimento.