Busca avançada
Ano de início
Entree

Microtomografia computadorizada de raios X para avaliação de injúrias mecânicas em sementes de milho e sua relação com o desempenho e a produtividade das plantas

Processo: 15/19310-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2015
Vigência (Término): 31 de outubro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Francisco Guilhien Gomes Junior
Beneficiário:Deborah Bueno da Silva
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Análise de imagens   Zea mays   Imagem tridimensional   Controle da qualidade   Germinação de sementes   Microtomografia por raio X

Resumo

A microtomografia computadorizada (microTC) de raios X, à semelhança do teste de raios X, possibilita a avaliação da morfologia interna de sementes de forma não destrutiva, com a vantagem adicional da maior precisão na identificação e qualificação das injúrias mecânicas no interior das sementes por se basear em uma análise tridimensional e com alta resolução. Com o objetivo de avaliar os efeitos das injúrias mecânicas sobre o desempenho produtivo das plantas, sementes de milho com diferentes níveis de injúrias mecânicas serão analisadas utilizando o microtomógrafo de raios X SkySan 1172 e, posteriormente, semeadas em vasos mantidos em casa de vegetação para verificação dos efeitos das injúrias sobre o desempenho das plantas e a produtividade de grãos. Durante o desenvolvimento da cultura serão determinados altura de plantas, diâmetro de colmo e índice de área foliar nos estádios fenológicos de duas, quatro, oito e doze folhas. Na colheita serão realizadas avaliações do acúmulo de massa de matéria seca da parte aérea, número de fileiras por espiga, número de grãos por fileira, massa de grãos por espiga e produtividade de grãos por planta. É esperado que com a utilização da microTC de raios X seja possível identificar a localização exata das injúrias mecânicas no interior das sementes de milho e estabelecer uma relação direta com a germinação e o desempenho das plantas, além de verificar quais os níveis de injúrias que podem causar perdas significativas de produtividade. (AU)