Busca avançada
Ano de início
Entree

Teores de clorofila e carotenóides e sua relação com parâmetros morfofisiológicos foliares de espécies do Cerrado típico e do Cerrado adensado

Processo: 15/21857-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2015
Vigência (Término): 31 de maio de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Fisiologia Vegetal
Pesquisador responsável:Davi Rodrigo Rossatto
Beneficiário:Bianca Helena Porfírio da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/18049-6 - Diversidade de estratégias ecofisiológicas em comunidades herbáceas de cerrado sensu stricto: um estudo de caso envolvendo distintas condições ambientais, AP.BTA.JP
Assunto(s):Ecofisiologia vegetal   Cerrado   Sombreamento   Carotenoides

Resumo

A literatura sugere que a maioria das espécies ocorrentes em Cerrado típico apresentam estratégias morfofuncionais foliares ligadas a tolerância as altas irradiâncias presentes neste sistema. Sendo assim, em condições de adensamento da vegetação tais espécies iriam desaparecer. O presente estudo se propõe a analisar as estratégias morfofuncionais de espécies típicas de cerrado e de espécies que conseguem sobreviver ao adensamento da vegetação em uma área de Cerrado típico que passou por sucessão na Estação Ecológica de Assis - SP. Serão analisados parâmetros foliares relacionados a adaptação ao ambiente luminoso (área foliar, dimensões foliares e peso foliar específico), assim como respostas fisiológicas (conteúdo de clorofilas e carotenóides e taxas máximas de fotossíntese). Espera-se encontrar folhas menores, mais escleromórficas, com altos teores de clorofila e carotenóides, possuindo altas taxas fotossintéticas nos ambientes com alta luminosidade (cerrado típico). Em contrates, espécies de ambiente sombreado irão apresentar folhas maiores, com maior conteúdo de clorofila b e menos taxas fotossintéticas. Estas diferentes estratégias indicariam o por quê de as espécies típicas de Cerrado desaparecem em ambientes que sofreram adensamento.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ROSSATTO, DAVI RODRIGO; DE ARAUJO, PAOLA EDUARDA; PORFIRIO DA SILVA, BIANCA HELENA; FRANCO, AUGUSTO CESAR. Photosynthetic responses of understory savanna plants: Implications for plant persistence in savannas under tree encroachment. FLORA, v. 240, p. 34-39, MAR 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.