Busca avançada
Ano de início
Entree

Uso de modelos de membrana para estudar o mecanismo de ação de peptídeos antimicrobianos e efeitos da dimerização e ciclização

Processo: 15/16857-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2015
Vigência (Término): 10 de julho de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Pesquisador responsável:Osvaldo Novais de Oliveira Junior
Beneficiário:Esteban Nicolás Lorenzón
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/14262-7 - Filmes nanoestruturados de materiais de interesse biológico, AP.TEM
Assunto(s):Ciclização   Farmacologia   Física experimental   Dimerização   Peptídeos   Neoplasias

Resumo

Filmes de Langmuir e vesículas são úteis para mimetizar uma membrana celular, e investigar a interação com fármacos cuja atividade biológica pode ser correlacionada com os efeitos induzidos na membrana. Neste Projeto, estudaremos a atividade biológica de peptídeos antimicrobianos (PAMs) e seu mecanismo de ação com filmes de Langmuir e vesículas unilamelares de diferentes composições lipídicas para mimetizar biomembranas de bactérias e células de mamíferos. Os PAMs foram selecionados porque apresentam atividade contra microrganismos e células tumorais, com seletividade e baixa probabilidade de induzir resistência. Como peptídeo de partida será usado o dímero do peptídeo Magainina 2, (MG2)2K, que tem atividade 16 e 8 vezes a da sua versão monomérica para Escherichia coli e Stafilococos aureus, respectivamente. Versões diméricas e cíclicas deste e outros peptídeos serão sintetizadas, e estudadas em relação ao efeito dessas modificações na atividade contra patógenos nosocomiais multirresistentes e células tumorais. A interação dos peptídeos com as monocamadas será investigada obtendo-se isotermas de pressão de superfície, espectroscopia no infravermelho com modulação da polarização (PM-IRRAS) e microscopia no ângulo de Brewster, enquanto a interação com as vesículas será determinada com microscopia de contraste de fase e fluorescência. Com a combinação dessas técnicas espera-se contribuir com o desenvolvimento de novas moléculas bioativas e dados relevantes sobre seu mecanismo de ação.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LORENZON, ESTEBAN N.; NOBRE, THATYANE M.; CASELI, LUCIANO; CILLI, EDUARDO M.; DA HORA, GABRIEL C. A.; SOARES, THEREZA A.; OLIVEIRA, JR., OSVALDO N. The ``pre-assembled state{''} of magainin 2 lysine-linked dimer determines its enhanced antimicrobial activity. COLLOIDS AND SURFACES B-BIOINTERFACES, v. 167, p. 432-440, JUL 1 2018. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.